Idoso morre após ser baleado na porta de casa em Sussuarana

A família de Reginaldo diz que os disparos foram feitos pela Polícia Militar

Publicado quinta-feira, 04 de agosto de 2022 às 10:11 h | Atualizado em 04/08/2022, 10:19 | Autor: Da Redação
Reginaldo Cerqueira foi morto a tiro no bairro de Sussuarana, em Salvador
Reginaldo Cerqueira foi morto a tiro no bairro de Sussuarana, em Salvador -

Um idoso, de 55 anos, identificado como Reginaldo Cerqueira, foi morto depois de ser baleado na porta de casa, na segunda-feira, 1º, no bairro de Sussuarana, em Salvador. A vítima havia acabado de sair do domicílio para entrar na residência da filha, que fica em frente à sua, quando foi atingido. Os familiares de Reginaldo declaram que os disparos foram feitos pela Polícia Militar.

Em entrevista ao G1, Regina Gomes, a filha do idoso que presenciou toda a ação, informou que preparava o jantar, quando, no trajeto de poucos metros entre as duas casas, o idoso foi baleado. A mulher afirma que, no momento da ação, os policiais que atiraram estariam escondidos na rua.

“Eu estava dentro de casa cozinhando o nosso jantar. Chamei ele para comer com a gente, e quando falei ele saiu na porta de casa para vir à minha. Acho que os policiais estavam escondidos. Quando painho passou, foi atingido por um tiro e caiu na minha porta”, disse Regina. 

De acordo com agentes da 48ª Companhia Independente da Polícia Militar, houve troca de tiros com suspeitos, quando o responsável pelo policiamento no bairro recebeu informações que homens armados estariam na localidade. Ao chegarem, um grupo de pessoas armadas atirou contra as equipes, que teriam revidado.

Essa versão é contestada pela família do idoso, que informou não haver grande movimentação na rua, nem troca de tiros quando Reginaldo Cerqueira foi baleado. Além disso, a abordagem dos policiais também está sendo questionada pela filha do idoso, após seu pai ter sido baleado.

Reginaldo foi levado para o Hospital Geral Roberto Santos (HGRS), mas ele não resistiu aos ferimentos e morreu. Ao final da ocorrência, os policiais disseram que encontraram uma submetralhadora de calibre 9 milímetros na localidade. A corporação não divulgou a quem pertencia a arma apreendida.

Publicações relacionadas