adblock ativo

Porto da Barra terá só 30 ambulantes licenciados

Publicado quarta-feira, 08 de janeiro de 2014 às 21:32 h | Atualizado em 08/01/2014, 21:32 | Autor: Jair Mendonça
adblock ativo

Por determinação da Justiça Federal, foram autorizados apenas 200 pontos de exploração econômica nos 65 quilômetros de praia na capital baiana. Mas, segundo a titular da Semop, Rosemma Maluf, na praia do Porto da Barra nunca houve barracas, portanto os ambulantes que permanecerão  no local estão fora dos 200 autorizados.

Conforme a secretária, dos 70 ambulantes licenciados pela prefeitura, na gestão anterior, para trabalhar no Porto, somente 30 poderão continuar no local. "O que fizemos na Barra foi uma redução de mais de 50% dos ambulantes e agora vamos padronizá-los, assim como em outros locais da orla", disse Rosemma.

Um dos contemplados, e que diz trabalhar no local há 30 anos, Afonso Martinez  comemora a própria permanência, mas lamenta pelos que ficaram de fora. "Fico feliz, mas ao mesmo tempo lembro que muitos colegas ainda não sabem o que fazer  nem para onde vão", disse.

Banhista aprova

Jonas Reis, 27 anos,  frequentador da praia, acredita que a redução do número de ambulantes na areia vai beneficiar os banhistas.

"Atualmente, eles são muitos e ocupam uma boa parte do espaço disponível, que já é pequeno. Então, se vai reduzir, com certeza ficará melhorar, principalmente para as pessoas que só vêm  para o Porto", aposta Reis.

adblock ativo

Publicações relacionadas