Programa Treinar para Empregar vai oferecer 36 cursos profissionais gratuitos

Publicado segunda-feira, 21 de junho de 2021 às 12:46 h | Atualizado em 21/06/2021, 12:49 | Autor: Da Redação

O programa Treinar para Empregar vai oferecer novos 36 cursos profissionais gratuitos para a população. O acordo de cooperação técnica entre a Prefeitura de Salvador, o Centro Universitário Estácio da Bahia e o Centro Universitário Uniruy foi assinado nesta segunda-feira, 21.

A iniciativa beneficiará 2.070 pessoas, entre jovens e adultos, a partir de julho. Será disponibilizada qualificação profissional on-line nas áreas de Logística, Gestão de Qualidade, Marketing, Vendas, Comunicação, Finanças, Informática, Gestão de Pequenos Negócios, Recepcionista, Assistente de Recursos Humanos, Telemarketing, Almoxarifado, Português, Matemática, Negociação e Atendimento, entre outras.

Documento oficializando a parceria foi assinado pelo prefeito Bruno Reis; pela titular da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda (Semdec), Mila Paes; pelo diretor-geral do YDUQS Bahia, Roberto Cordeiro; e pelos reitores Rodrigo Vecchi (Uniruy) e Roberta Franco (Estácio), em solenidade no Palácio Thomé de Souza, no Centro.

Qualificação como experiência

O chefe do Executivo municipal acrescentou que o maior projeto social que qualquer governo pode oferecer à população é o crescimento econômico, citando a educação como pilar nesse processo. O Serviço Municipal de Intermediação de Mão de Obra (Simm), lembrou ele, divulga constantemente vagas no mercado de trabalho, mas muitas vezes essas ocupações não são devidamente preenchidas por falta de profissionais preparados.

Foi entendendo esse contexto que a Prefeitura lançou em abril deste ano o Treinar para Empregar, que atua nas necessidades de qualificação da mão de obra demandada pelas empresas com o propósito de viabilizar o encaminhamento de cidadãos certificados para as vagas de emprego. O programa já ofereceu 1.609 vagas em cursos e certificou 1.241 pessoas.

De acordo com a secretária Mila Paes, o programa foi pensado a partir da exigência, pelas empresas, do tempo de experiência do candidato para a vaga pretendida, o que dificultava a inserção de muitos cidadãos no mercado de trabalho. Com isso, através dessa mediação da Semdec com as empresas, as horas de experiência estão sendo substituídas por horas de qualificação. A meta é qualificar mais de 50 mil pessoas nos próximos quatro anos.

O diretor-geral do YDUQS (holding responsável por gerir os centros universitários Estácio e Uniruy), Roberto Cordeiro, destacou a nova parceria com a administração municipal. “Temos um governo que tem, em sua cota prioritária, a educação. A YDUQS tem essa missão de transformar e é uma grande alegria participar da qualificação de mais de 2 mil soteropolitanos pelo Treinar para Empregar. Esse é apenas o primeiro contato. Esperamos colaborar para diversas outras ações”, salientou.

Publicações relacionadas