Salvador tem baixa adesão da 3ª dose de reforço da vacina contra Covid-19

Publicado quinta-feira, 02 de setembro de 2021 às 17:39 h | Atualizado em 02/09/2021, 17:43 | Autor: Da Redação

Iniciada na última segunda-feira, 30, a adesão à estratégia de aplicação da 3ª dose da vacina contra Covid-19 é considerada baixa em Salvador. Segundo informações da Prefeitura, dos mais de 17 mil indivíduos habilitados, com 80 anos ou mais que já completaram seis meses do recebimento da 2ª dose, apenas pouco mais de 4 mil buscaram os pontos de vacinação para a dose de reforço. O número corresponde a apenas 22% do público habilitado para estratégia no município.

Ainda de acordo com a prefeitura, o imunizante da Pfizer é o utilizado para administração da 3ª dose nos idosos. Na primeira etapa da imunização, esse público foi imunizado com a CoronaVac.

A prefeitura ressalta que estudos preliminares revelaram que a intercambialidade de fabricantes tem assegurado um percentual maior de imunidade nos indivíduos vacinados com as três doses.

Publicações relacionadas