Faroeste: presidente em exercício do TJ-BA convoca substitutos para a Corte

Publicado quarta-feira, 20 de novembro de 2019 às 07:14 h | Atualizado em 21/01/2021, 00:00 | Autor: Aparecido Silva

O presidente em exercício do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), Augusto de Lima Bispo, convocou dois juízes substitutos para preenchimento das vagas deixadas por desembargadores da Corte que foram afastados dos cargos pela operação Faroeste.

A ação deflagrada pela Polícia Federal nesta terça-feira, 19, autorizada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), investiga um esquema de compra de decisões do Judiciário baiano. No total, seis magistrados, entre eles o presidente Gesivaldo Britto, foram afastados pelo período de 90 dias.

>> Quatro desembargadores e dois juízes são afastados do TJBA

>> Operação Faroeste: presidente do TJ-BA é afastado da função

No Diário Eletrônico da Justiça da Bahia desta quarta, 20, Augusto Lima publicou o decreto que convoca a juíza substituta de 2º grau Cassinelza da Costa Santos Lopes para atuar no posto do desembargador José Olegário Monção Caldas. 

Para a vaga da desembargadora Maria do Socorro Barreto Santiago, ex-presidente da Corte, foi convocado o também juiz substituto de 2º grau Manuel Carneiro Bahia de Araújo.

Por ocasião da prisão de Antônio Roque Neves, coordenador da Secretaria Judiciária, o presidente em exercício também designou um substituto para responder pelo setor a partir desta terça nos "impedimentos legais, nos afastamentos e nas ausências eventuais de seu titular".

Publicações relacionadas