adblock ativo

Mulher é morta na frente dos filhos na zona oeste de SP

Publicado terça-feira, 16 de setembro de 2014 às 10:15 h | Atualizado em 19/11/2021, 06:28 | Autor: Estadão Conteúdo
adblock ativo

Uma mulher de 39 anos e seu filho adolescente foram atingidos por disparos de arma de fogo de bandidos na noite de segunda-feira, 15, enquanto saíam de casa, em um condomínio no Rio Pequeno, na zona oeste da capital paulista. Ela, que seria empresária, morreu, embora tenha sido socorrida para o pronto-socorro do Hospital Cruzeiro do Sul, em Osasco, na Grande São Paulo.

O crime ocorreu enquanto a vítima tentava entrar no carro, um Audi TT, estacionado na frente do condomínio, por volta das 23h30. Um dos filhos da vítima teria reagido, quando os bandidos atiraram. Segundo a Polícia Militar, o jovem foi levado para o Hospital Universitário da Universidade de São Paulo (USP), no Butantã, também na zona oeste.

Os bandidos fugiram sem levar nada, conforme a PM. O caso foi registrado no 91º Distrito Policial (Ceagesp), mas será investigado por policiais do 93º DP (Jaguaré). O crime ocorreu na altura do número 29 da Rua Padre Olavo Pereira da Silva, perto da esquina com a Rua Renato Egídio de Souza Aranha.

adblock ativo

Publicações relacionadas