Empresários correm para acessar fundo

Publicado quinta-feira, 31 de dezembro de 2020 às 06:01 h | Atualizado em 21/01/2021, 00:00 | Autor: Miriam Hermes e Redação | [email protected]

Milhares de empresários interromperam o descanso neste final de ano para viabilizar a integralização de cotas no Fundo Garantido de Operações (FGO) para o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e empresas de pequeno porte (Pronampe).

Como os recursos só podem ser liberados este ano, a última oportunidade dos contratos encerraram-se ontem porque hoje, dia 31 de janeiro, último dia do ano, os bancos não abrem.

A Medida Provisória, publicada em edição extra do Diário Oficial da União, abre crédito extraordinário de um total de R$ 10,1 bilhões para encargos financeiros da União.

Os recursos previstos na MP 1.020/2020 serão usados para viabilizar a integralização de cotas de acordo com o projeto de lei 5.029/2020, aprovado no Senado e na Câmara, com recursos excedentes do Programa Emergencial de Suporte a Empregos (Pese).

De acordo com dados do governo, o Pronampe já liberou R$ 32,9 bilhões de crédito para micro e pequenas empresas, por meio de aproximadamente 450 mil contratos.

A taxa de juros é a Selic, hoje em 2%, acrescida de 1,25% ao ano: os recursos podem servir para pagar funcionários, contas de luz e água, aluguel, compra de matérias-primas e mercadorias, entre outros.

TJ-BA em primeiro

Conforme dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), atualizados em 29 de dezembro, o PJBA, em relação ao total de sentenças e acórdãos, bem como ao total de despachos, o PJBA ocupa a 1ª posição entre os Tribunais de médio porte. Contabilizando todos os atos, o Judiciário baiano ocupa o 2º lugar.Foram mais de 24,5 milhões de atos durante a pandemia.

“Nos endividamos em

R$ 700 bilhões para

conter a pandemia, dar

o auxílio emergencial

(...) Querem que a gente

renove o auxílio, mas a

nossa capacidade de

investimento chegou

ao limite”

Jair Bolsonaro, presidente da República, em passeio na Praia Grande (litoral paulista) quando gerou aglomerações e abraçou apoiadores, mesmo idosos, que sequer usava máscara de proteção

No presidente do Crea

O engenheiro agrimensor Joseval Carqueija toma posse segunda-feira como novo presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia (Crea-Ba) para o triênio 2021-2023. A solenidade de posse será transmitida ao vivo pelo canal do Crea-Ba no youtube, no endereço youtube/creaba1, a partir das 8 horas. Entre as presenças confirmadas na videoconferência, estão os presidentes do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia da Bahia, Joel Kruger, e o da Caixa de Assistência de Profissionais do Crea – Mútua, Paulo Guimarães. Especialista em geotecnologias, com 42 anos, casado e pai de duas meninas, Carqueija é de família maragogipana, no Recôncavo baiano, mas reside em Barreiras desde 2007, onde atua profissionalmente como autônomo e empresário.

25 anos de SAC

Os 25 anos do SAC acabam de ser reunidos em uma publicação eletrônica. Produção da Secretaria de Administração do Estado (Saeb) por meio da sua Assessoria de Comunicação, a revista tem 63 páginas sobre o serviço que já realizou 215 milhões de atendimentos em 63 municípios baianos, e conta hoje com uma rede de 79 unidades.

- No setor público, já que não há concorrência e busca por lucro, a pressão e o alto nível de exigência da sociedade é que forçam a inovação na prestação de serviço, e é nesse sentido que a Rede SAC está em um processo constante de inovação, defendeu o secretário de Administração Edelvino Góes, durante o lançamento da revista, na última terça. A publicação está disponível no perfil do Instagram da Saeb e no site www.saeb.ba.gov.br.

POUCAS & BOAS

Situado na margem da BR 242, um dos principais cartões-postais da Chapada Diamantina, o Morro do Pai Inácio foi reaberto ontem para visitação, atendendo a pedidos dos turistas e moradores de Palmeiras, de acordo com o secretário municipal de Turismo e Meio Ambiente, Janivaldo Campos. No local foram instaladas pias com água corrente e oito monitores vão se revezar no controle do acesso dos turistas, que terão 30 minutos para ficar no lugar, em grupos com no máximo 30 pessoas.

Em Barreiras as medidas de prevenção à Covid-19 resultaram no cancelamento do show pirotécnico, tradicional na virada de ano no Centro Histórico, bem como da Lavagem do Kimarrei, realizado há 33 anos no dia 1º de janeiro.

Publicações relacionadas