Fala de Guedes inspira concurso para viagem

Publicado sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020 às 08:01 h | Atualizado em 21/02/2020, 08:06 | Autor: Tempo Presente

A declaração do ministro da Economia, Paulo Guedes, seguida de retratação, na qual interpretou-se uma discriminação às empregadas domésticas, virou promoção bem-sucedida de uma administradora de folha de pagamento e recolhimento do e-social.

Guedes queixou-se do fato de “domésticas irem à Disney”, ao atribuir valor positivo à alta do dólar, mas arrependeu-se depois do efeito de seu evidente racismo de classe ter motivado a indignação da cidadania identificada com valores morais.

Agora, a administradora agradece a provocação, pois são mais de 5 mil trabalhadores do lar já inscritos na campanha ‘Doméstica em Orlando’. O premiado vai ganhar um cartão no valor de R$ 7 mil para visitar a famosa Disneylândia, com seus mickeys, patetas e personagens outros.

– Com planejamento financeiro e consumo consciente, é possível realizar um sonho. Essa é a mensagem que a Simplypag gostaria de passar para os empregados domésticos do Brasil – disse Leo Cherman, diretor da administradora que teve a ideia da promoção.

Mas, atenção: a viagem será na baixa estação e o vencedor poderá investir o valor no que entender como mais conveniente. As inscrições estão abertas até 31 de março por meio de formulário publicado no www.simplypag.com.br/domestica-em-orlando. Pode participar quem estiver na ativa ou quem tenha trabalhado como funcionário doméstico nos últimos 12 meses. O sorteio está programado para as 15h do dia 23 de abril.

O jeito bem humorado de o brasileiro reagir a manifestações surpreendentes como a de Guedes virou fantasia no Carnaval do Rio e Salvador. Não é raro encontrar um folião travestido de doméstica manifestando o desejo de visitar a Disney.

Em busca da aliança

O presidente municipal do PT, Ademário Costa, do PCdoB, Everaldo Augusto, e do PSB, o vereador Sílvio Humberto, se reuniram na última quarta para tratar da possível construção de um bloco para enfrentar o pré-candidato do Democratas e líder das pesquisas de intenção de votos, Bruno Reis. Com a possibilidade dos três partidos estarem com mulheres na cabeça de chapa, o vereador Sílvio Humberto (PSB) avalia a discussão da conjuntura, e estabelece o dia 24 de março para uma nova rodada de debate.

– Iremos realizar um debate sobre temas que consideramos centrais para pensar o desenvolvimento na cidade de Salvador; que é discutir raça, gênero e desigualdade. Esses temas são fundamentais, incontornáveis para pensar o desenvolvimento da cidade – avalia ele.

Resposta de Torres

A respeito da nota “Furdunço em Alagoinhas”, publicada nesta coluna no dia 19/2, denunciando troca de favores entre o prefeito Joaquim Neto e o presidente da Câmara, Roberto Torres, este último enviou resposta classificando a informação que circulou como “fake news abjeta, sem fundamento e destoante do perfil de minha carreira política”. Torres negou a associação entre a apreciação pelo Legislativo de um empréstimo solicitado pelo Executivo e questões eleitorais, esclarecendo que só vota em caso de empate e que a Câmara de Vereadores tem autonomia para aprovar ou rejeitar a solicitação do Executivo.

– Acreditar que a escolha de uma chapa majoritária leve em consideração apenas um item é desconhecer a complexidade política de Alagoinhas, reduzir a cidade a um curral eleitoral e conectar fatos que não são convergentes entre si – afirmou.

POUCAS & BOAS

A Vila de Igatu, distrito de Andaraí, terá a partir de hoje mais uma atração: a Galeria de Arte de Dmitri de Igatu. Com 37 anos o artista plástico autodidata e fotógrafo mora na localidade, conhecida como Cidade de Pedras ou Machu Picchu Brasileira, desde 2002, e desde então vem aprimorando suas técnicas com pinturas que retratam as paisagens do seu cotidiano. São rios, cachoeiras, vales e chapadões, em uma comunidade com cerca de 360 habitantes, encravada na Serra do Sincorá. A inauguração será às 18h.

Em Ilhéus começa hoje às 9h a abertura da Feira das Nações da Assembleia de Deus, no Centro de Convenções com o tema ‘Jesus, salvação e paz para as nações’. A comissão organizadora estima receber um público de 10 mil pessoas.

Miriam Hermes, Raul Aguilar e redação

Publicações relacionadas