adblock ativo

Brasil tem 24,6% de mortes por Covid-19 não divulgadas, aponta estudo

Publicado às | Atualizado em 15/10/2021, 17:37 | Autor: Da Redação
Subnotificação teria atingido todas as faixas etárias. | Foto: Marcelo Camargo/Ag. Brasil
Subnotificação teria atingido todas as faixas etárias. | Foto: Marcelo Camargo/Ag. Brasil -
adblock ativo

O Brasil, que já passou da triste marca de 600 mil mortes por Covid-19, teria, na verdade, 712.858 vítimas da doença. Os dados são de um levantamento realizado pela organização global de saúde Vital Strategies.

Segundo o estudo, 24,6% das mortes por Covid-19 no Brasil entre 19 de abril de 2020 e 27 de setembro de 2021 foram subnotificadas.

Segundo pesquisadores, a subnotificação teria acontecido em todas as faixas etárias, entretanto, teria sido mais alarmante na faixa de 0 a 9 anos, chegando a correção de 152,8%. 

Para chegar aos números, foram analisados dados do Sistema de Informação da Vigilância Epidemiológica da Gripe (SIVEP-Gripe), do Ministério da Saúde.

Pesquisadores chegaram a conclusão de que o Brasil teve 3.436 mortes por Covid-19 entre bebês e crianças (0 a 9 anos), sendo 2.924 entre menores de 5 anos. Os dados diferem dos divulgados oficialmente, que foi 1.359 mortes entre os menores até 10 anos e 1.113 entre crianças com até 5 anos.

Á CNN Brasil, o Ministério da Saúde informou que 60% das causas mal definidas ocorreram fora dos estabelecimentos de saúde, condição limitante para o registro das causas que levaram à morte na Declaração de Óbito.

adblock ativo

Publicações relacionadas