adblock ativo

Brasil tem segunda morte confirmada relacionada à variante Delta

Publicado segunda-feira, 28 de junho de 2021 às 11:14 h | Atualizado em 28/06/2021, 11:18 | Autor: Da Redação
Primeira vítima foi uma mulher grávida de 42 anos, que viajou do Japão para o norte do Paraná | Foto: Reprodução
Primeira vítima foi uma mulher grávida de 42 anos, que viajou do Japão para o norte do Paraná | Foto: Reprodução -
adblock ativo

Um tripulante indiano de 54 anos que foi internado em São Luís, no Maranhão, após testar positivo para a variante Delta do novo coronavírus, identificada pela primeira vez na Índia, morreu no último sábado, 28. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) no domingo.

O homem estava internado há 43 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular da capital maranhense. Esta é a segunda vítima confirmada da variante Delta no Brasil.

A primeira foi uma mulher grávida de 42 anos, que viajou do Japão para o norte do Paraná. Ela morreu em 18 de abril e a infecção pela variante foi confirmada no domingo, pelo Ministério da Saúde.

O G1 procurou a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a direção do hospital na capital maranhense e a Secretaria de Estado da Saúde (SES), que não haviam se manifestado até a publicação desta reportagem sobre os procedimentos que seriam adotados para o traslado do corpo da vítima.

adblock ativo

Publicações relacionadas