adblock ativo

Brasil ultrapassa 600 mil mortes por Covid-19

Publicado às | Atualizado em 08/10/2021, 08:35 | Autor: Mariana Gomes
País ultrapassou a marca de 600 mortes por Covid-19. Foto: Marcelo Camargo | Agência Brasil
País ultrapassou a marca de 600 mortes por Covid-19. Foto: Marcelo Camargo | Agência Brasil -
adblock ativo

Na noite da última quinta-feira, 7, o Brasil ultrapassou a marca de 600 mil vidas perdidas em decorrência da Covid-19. Na Bahia, o número chega a 26.901 falecimentos, representando cerca de 4,48% do total. Os dados são do Painel Coronavírus, mapeamento oficial do Ministério da Saúde abastecido com informações das Secretarias Estaduais de Saúde. O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) informou ainda novos 15,7 mil novos casos nas últimas 24 horas analisadas. Ao todo são mais de 21,5 milhões de casos confirmados, desde o início da pandemia.

Os estados com mais mortes no momento são São Paulo (150,5 mil mortes), Minas Gerais (54,8 mil mortes) e Paraná (39,4 mil mortes). A diferença entre os dois primeiros é de quase 3 vezes. Ao mesmo tempo, os dados do Conass demonstram que nas últimas duas semanas registram decréscimo de óbitos no país. Todavia, representantes do alto escalão governamental continuam a promover dúvidas sobre os métodos de combate a Covid-19 (vacinas, uso de máscaras, distanciamento social, etc) em seus posicionamentos públicos.

Vacinação

Também ontem (7), o Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, foi chamado a depor pela terceira vez na CPI da Covid. O senador Omar Aziz (PSD-AM) defendeu o requerimento relembrando que “No dia em que foi acometido de covid, o ministro repostou uma mensagem de uma pessoa dizendo: 'O senhor não foi vacinado? Tomou as duas doses e pegou covid mesmo assim?'. Ministro Queiroga, a gente não esqueceu que o senhor repostou isso”, comentou Aziz na CPI da Covid. A comissão de inquérito se reúne novamente na segunda-feira (18) para ouvir o ministro da Saúde.

Até o momento, foram aplicadas 245,1 milhões doses de vacinas contra o coronavírus da COVID-19, entre primeiras e segundas aplicações. Já foram distribuídas mais de 300 milhões de imunizantes pelo país, correspondentes a um investimento de R$190,2 bilhões. Na Bahia, foram distribuídas entre os municípios aproximadamente 20 milhões de doses de vacinas, contabilizando mais de 15 milhões de vacinações. Os dados são do Ministério da Saúde.

adblock ativo

Publicações relacionadas