Butantan: estudo de Serrana mostra efetividade de 94,9% da Coronavac contra mortes

Publicado sexta-feira, 03 de dezembro de 2021 às 17:03 h | Atualizado em 03/12/2021, 17:05 | Autor: Da Redação

A Coronavac tem efetividade direta de 80,5% contra casos sintomáticos de covid-19, 95% contra hospitalizações e 94,9% contra mortes pela doença, informou o Instituto Butantan, ao divulgar os dados da primeira análise do Projeto S, estudo conduzido em Serrana (SP).

Ainda de acordo com o instituto, com 52% da população vacinada com as duas doses os efeitos indiretos começam a se manifestar, protegendo inclusive quem não tomou o imunizante.

Na época do estudo, entre fevereiro e maio de 2021, a maioria dos casos eram provocados pela variante gama, que predominou no Brasil em todo o primeiro semestre deste ano.

Os voluntários do Projeto S foram vacinados com a Coronavac em um esquema de duas doses, com um intervalo de quatro semanas. No total, completaram o esquema vacinal 81,3% da população adulta e 60,9% da população urbana de Serrana, o equivalente a cerca de 27 mil pessoas. Deste número, 16% eram idosos com mais de 60 anos.

Não foi avaliado se o uso de máscara, distanciamento social e outras medidas de controle alteraram as taxas de transmissão da covid-19 durante ou após a pesquisa.

Publicações relacionadas