Governo usou apenas 30% da verba destinada para compra de vacinas em 2021

Publicado domingo, 20 de junho de 2021 às 13:33 h | Atualizado em 20/06/2021, 13:38 | Autor: Redação

Um levantamento feito pelo portal Metrópoles revelou que o governo federal gastou apenas 30% da verba prevista para a compra de vacinas contra a Covid-19 no ano de 2021. De acordo com os dados, obtidos através do Painel de Monitoramento dos Gastos da União para a Covid-19, do Tesouro Nacional, apenas R$ 6,9 dos R$ 22,29 bilhões previstos no orçamento foram usados para a aquisição.

O levantamento demonstra também que em 2020 o governo Bolsonaro só usou 9% do montante destinado para este fim: R$ 2,2 bilhões de R$ 24,51 previstos em orçamento.

Dados do Ministério da Saúde revelam que até o final do levantamento, haviam sido distribuídas 114,2 milhões de doses do imunizante no país, com apenas 24 milhões de vacinas em segunda dose aplicadas, o que corresponde a 28% da população.

Ainda de acordo com a pasta, o orçamento para a aquisição dos imunizantes difere do que foi publicado pelo Tesouro. Na constestação, o Ministério aponta que a dotação autorizada foi de R$ 30 bilhões, dos quais R$ 27,5 bilhões foram empenhados (91,5%) no pagamento de fornecedores de vacinas ou outros serviços necessários para a operação de imunização.

Publicações relacionadas