adblock ativo

Idoso testa positivo 43 vezes e registra caso de covid mais longo do mundo

Publicado segunda-feira, 05 de julho de 2021 às 11:32 h | Atualizado em 05/07/2021, 11:44 | Autor: Da Redação
Dave conta ter perdido 63 kg durante o tempo em que teve a doença | Foto: Reprodução | BBC
Dave conta ter perdido 63 kg durante o tempo em que teve a doença | Foto: Reprodução | BBC -
adblock ativo

Um britânico, identificado como Dave Smith, de 72 anos, teve o caso mais longo de Covid-19 já registrado no mundo. Ele, que é instrutor de autoescola, contraiu o coronavírus em março de 2020 e testou positivo para a doença 43 vezes, só se curando 290 dias depois da infecção.

"Todos os testes davam positivo. Uma semana depois, positivo. Rezava para que o próximo fosse negativo, mas nunca era", disse ele ao canal BBC. Dave afirma que, nesses dez meses com a Covid-19, foi parar no hospital sete vezes. Ele conta ter perdido 63 kg durante o tempo em que teve a doença.

A melhora só veio ao fim de 10 meses após Dave ser tratado com um coquetel de remédios antivirais. Agora, cientistas da Universidade de Bristol estudam o caso para tentar entender como o coronavírus se comporta.

A ideia é descobrir como o vírus se esconde e sofre mutações no corpo humano, e como ele consegue infectar uma pessoa de forma persistente. "É como se tivessem me dado minha vida de novo. Você pensa: 'o que eu posso fazer com essa vida?' Estou próximo dos 73 anos, mas talvez ainda tenha algo de bom sobrando em mim", finalizou Dave.

adblock ativo

Publicações relacionadas