adblock ativo

Jovens têm até o dia 26 para garantir vaga em curso profissionalizante gratuito

Publicado às | Atualizado em 20/10/2021, 22:57 | Autor: Jade Santana*
Stefane dos Santos está em seu segundo curso, na área de Gestão de Manutenção e Eficiência Energética | Foto: Raphael Muller | Ag. A TARDE
Stefane dos Santos está em seu segundo curso, na área de Gestão de Manutenção e Eficiência Energética | Foto: Raphael Muller | Ag. A TARDE -
adblock ativo

Um total de 43 cursos profissionalizantes e gratuitos, de diversas áreas, estão sendo ofertados pelo governo para estudantes baianos que, agora, ganharam mais seis dias para as inscrições, prorrogadas até o dia 26 deste mês. Os resultados serão divulgados na mesma data, e as aulas iniciam no dia 8 de novembro.

Os cursos, oferecidos na modalidade de ensino à distância, têm duração média de três a cinco meses e oferece certificado para o aluno que se mostrar apto para encarar as atividades no mercado de trabalho. São cursos nas áreas de administrador de banco de dados; agente cultural; agente de gestão de resíduos sólidos ou agente de informações turísticas. Também há oportunidades para almoxarife de obras; assistente de logística; assistente financeiro; cerimonialista; organizador de eventos e produtor cultural e até para desenvolvedor de Jogos Eletrônicos.

A previsão é a de que as 151.179 mil vagas sejam abertas em 2.656 turmas. Para se inscrever a uma das vagas basta a acessar o site www.educacao.ba.gov.br e seguir o passo a passo. A qualificação profissional faz parte do Programa Educar para Trabalhar.

Trabalho

Satisfeita com a experiência do programa no curso “Controlador e Programador de Produção”, Stefane dos Santos Grego Freire já está participando de um segundo curso, de Gestão de Manutenção e Eficiência Energética. “Esse programa vai além do profissional. A gente não aprende só o que quer aprender, mas além. Os docentes são muito cuidadosos e os assuntos são tratados de maneira bem simples, sem palavras difíceis, então me senti bastante acolhida. Foi um impacto bem positivo”, diz a jovem.

Com o objetivo de promover a qualificação profissional dos estudantes, oferecendo oportunidades de aprendizagem e melhor condição de inserção no mundo do trabalho, Ezequiel Westphal, Superintendente da Educação Profissional e Tecnológica, explica que a extensão do tempo de inscrição foi pensada a fim de atrair mais jovens para o programa.

“Esses cursos caracterizam uma formação integral dos estudantes. Possibilitam a aquisição de uma formação profissional, superam os conteúdos programáticos trabalhados em sala de aula, estabelecem uma relação de sociabilidade. Insere o estudante no mundo social do trabalho e possibilita muitas oportunidades com cursos que vão além dos que são ofertados convencionalmente no Ensino Médio”, afirma Westphal.

Os cursos serão ministrados em parceria com o chamado Sistema S - Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar). Mas há pré-requisitos: os interessados devem estar regularmente matriculados no ensino médio ou da educação profissional técnica de nível médio da rede pública estadual de ensino no ano letivo de 2020/2021.

Também podem se inscrever egressos dos cursos técnicos de nível médio da rede estadual, que tenham concluído os estudos no período de 2016 a 2020.

*Sob supervisão da editora Regina Bochicchio

adblock ativo

Publicações relacionadas