Alain Prost deixa cargo na Alpine

Tetracampeão mundial de F1 atuava como embaixador/conselheiro da escuderia

Publicado segunda-feira, 17 de janeiro de 2022 às 21:52 h | Atualizado em 17/01/2022, 22:04 | Autor: AFP

O ex-piloto francês Alain Prost deixará de ser o diretor não executivo da escuderia de Fórmula 1 Alpine na temporada 2022, informou à AFP uma fonte próxima do caso, confirmando uma informação divulgada no site especializado Motorsport.

Prost, tetracampeão mundial de F1 (1985, 1986, 1989 e 1993), atuava como embaixador/conselheiro da escuderia para o retorno da Renault à F1 em 2016, antes de ser nomeado diretor não executivo em 2019. 

O ex-piloto da Renault (1981-1983), de 66 anos, tinha contrato anual na organização, que não foi renovado para a próxima temporada.

Rebatizada de Alpine no início da temporada 2021, a escuderia baseada em Viry-Châtillon (França) para a parte 'motor' e em Enstone (Reino Unido) para o chassis está em plena reestruturação em torno de seu presidente, Laurent Rossi.

Na semana passada, Marcin Budkowski deixou, assim, o cargo de diretor-executivo. À espera de seu sucessor, Rossi ocupa o posto de forma interina.

A saída de Budkowski poderia abrir a porta ao americano Otmar Szafnauer, que acaba de deixar seu cargo de diretor-geral da Aston Martin. 

A Alpine mantém seus pilotos Fernando Alonso e Esteban Ocon para a temporada 2022, que deve começar em 20 de março no Bahrein para um calendário recorde de 23 grandes prêmios.

Publicações relacionadas