adblock ativo

Clubes estudam entrar no STJD e Sport pode perder 17 pontos no Brasileirão

Publicado às | Atualizado em 06/12/2021, 15:35 | Autor: Da Redação
O Leão da Ilha teria escalado o zagueiro Pedro Henrique de forma irregular | Foto: Anderson Stevens | Sport Recife
O Leão da Ilha teria escalado o zagueiro Pedro Henrique de forma irregular | Foto: Anderson Stevens | Sport Recife -
adblock ativo

O Sport pode vir a sofrer um duro golpe no Brasileirão da Série A. Devido a possíveis escalações irregulares do zagueiro Pedro Henrique, o Leão da Ilha vive a expectativa de poder perder 17 pontos na tabela de classificação, a depender do julgamento contra a situação do atleta.

"A gente tomou conhecimento dessa informação. Tão logo acionamos os nossos advogados especialistas no Rio de Janeiro para saber, porque há um conflito de normas no regulamento geral e no específico. Tem uma discussão muito grande quanto a penalidade. Tem jurisprudência sobre a questão dos pontos, mas também sobre multa", disse em entrevista coletiva o presidente do clube, Leonardo Lopes.

De acordo com informações da TNT Sports, alguns clubes da Série A se movimentam nos bastidores e estudam entrar no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) nos próximos dias para acelerar a possível punição à equipe nordestina.

Entre as equipes estariam o Grêmio, Atlético-GO e Santos, que brigam na parte de baixo da tabela. No entanto, ainda não existe nenhuma posição oficial sobre o ocorrido. Um desfecho deve ser anunciado em breve, após o julgamento.

Caso a punição seja concretizada, de fato, o Sport perderia 17 dos 23 pontos que conquistou até o momento e passaria a ocupar a lanterna do campeonato, com apenas seis pontos, atrás da Chapecoense. A perda dos pontos praticamente atestaria o rebaixamento do clube pernambucano à Série B da próxima temporada.

Entenda o caso

O zagueiro de 21 anos foi emprestado do Internacional para o Sport em agosto deste ano e inscrito para o Brasileirão. Pela regra do campeonato, um jogador que atuou em sete partidas por outra agremiação é considerado irregular para entrar em campo novamente por outro clube no mesmo certame.

No entanto, a situação de Pedro Henrique é um pouco peculiar. Ele atuou por cinco jogos pelo Colorado no Brasileirão e tomou cartão amarelo estando no banco de reservas por duas oportunidades. Desta forma, pelo artigo 43 do Regulamento Geral de Competições, o jogador participou oficialmente de sete partidas.

O artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) diz que uma equipe que utilizar de forma irregular um atleta para uma partida pode sofrer punição da perda dos pontos conquistados na partida, além de mais três pontos. Além disso, ainda pode-se somar uma multa de R$ 100 a R$ 100 mil por jogo.

Pelo Sport, Pedro Henrique participou de quatro partidas e ficou no banco em mais uma. Assim, o Leão da Ilha perderia três pontos por cada jogo que ele foi relacionado, totalizando 15 pontos, além dos dois pontos somados nos duelos (em empates contra Athletico-PR e Chapecoense), totalizando os 17 pontos.

adblock ativo

Publicações relacionadas