No retorno à Fonte, Vitória busca embalar contra Guarani

Publicado sexta-feira, 13 de setembro de 2019 às 23:15 h | Atualizado em 21/01/2021, 00:00 | Autor: Alex Torres*

O Vitória chega na sua 'nova casa' com a missão de dar sequência ao bom momento vivido pelo grupo desde a chegada do comandante Carlos Amadeu. Até agora, nas sete partidas disputadas, o Leão venceu três e empatou quatro, com um aproveitamento de 61,9%. Entre as equipes da Segundona, no mesmo período, o Rubro-Negro vem conseguindo realizar uma campanha digna de G-4.

Lance a lance

Se o momento já não fosse bom o bastante, essa semana o clube ainda garantiu, depois de muita novela, a tão desejada ida para a Arena Fonte Nova. Cenário de goleadas históricas - como o 5x1 e 7x3 em cima do arquirrival Bahia - e do acesso da equipe em 2015, a 'casa de praia', como é chamada pelos torcedores do Rubro-Negro, será palco do duelo contra o Guarani, neste sábado, 14, às 16h30, válido pela 22ª rodada da Série B.

No entanto, em entrevista coletiva realizada na manhã desta sexta-feira, 13, o capitão Baraka preferiu segurar a empolgação da mudança de mando de campo e afirmou manter as atenções direcionados para o confronto. "Sabemos da euforia da casa nova, mas vai ser um jogo complicado [...] Temos que tomar cuidado, não podemos ir na euforia de fora. Temos que estar conscientes de fazer um bom jogo e saber trabalhar em cima disso".

Secador ligado

Caso conquiste os três pontos, o Rubro-Negro pode subir na classificação e se aproximar da parte de cima da tabela. No momento, a diferença do Vitória para o G-4 é de 10 pontos, sendo o Coritiba o primeiro clube dentro do grupo de acesso à elite do futebol nacional. 

Se neste sábado o Rubro-Negro enfrenta o último colocado, na próxima rodada encara o São Bento, vice-lanterna da Segundona. Dessa vez, a meta é tentar reescrever os confrontos do primeiro turno, quando a equipe baiana acumulou duas derrotas contra ambos os times.

Retrospecto

Segundo dados estatístico do site oGol, no retrospecto de jogos entre as equipes, o Leão costuma levar a pior. Dos 32 jogos disputados, o Vitória saiu vencedor em nove oportunidades, contra 11 do Guarani.

No primeiro turno, o alviverde fez jus aos números e triunfou de virada, em jogo realizado debaixo de muita chuva, dentro do Brinco de Ouro, no dia 13 de maio, data em que o Rubro-Negro comemorava seu aniversário de 120 anos. O resultado fez com que o Bugre quebrasse um jejum de oito partidas sem vencer na temporada

A última vez em que a equipe baiana venceu o duelo foi há oito anos, em duelo válido pela 6ª rodada do Brasileirão Série B de 2012. Na ocasião, o Leão garantiu o resultado favorável com um simples 1 a 0, gol marcado pelo zagueiro Victor Ramos.

Novidades

Para enfrentar o Alviverde Campineiro, Carlos Amadeu terá o retorno do goleiro Martin Rodriguez. O uruguaio ficou três partidas fora após sofrer um profundo corte no joelho, na partida contra o Coritiba, pela 19ª rodada. Em decorrência do ferimento, o arqueiro precisou ter o corte suturado em seis pontos. Além do goleiro, o lateral-direito Van, que estava com lesão na coxa, também retorna ao time e deve começar jogando.

Imagem ilustrativa da imagem No retorno à Fonte, Vitória busca embalar contra Guarani
Zé Ivaldo retorna ao grupo depois de dois meses

Após mais de dois meses, o zagueiro Zé Ivaldo volta a integrar elenco. O defensor saiu de campo no dia 9 de julho com um edema ósseo no joelho, em duelo contra o Cuiabá, pela 9ª rodada.

Outro zagueiro que chegou a assustar o comandante Carlos Amadeu nesta semana foi Ramon, depois de alegar dores na panturrilha durante o treinamento. No entanto, o camisa 40 se recuperou a tempo e vai para o duelo com o Bugre.

*Sob a supervisão do editor Nelson Luis

Publicações relacionadas