Max Verstappen supera Charles Leclerc e vence GP da Arábia

Holandês conseguiu vencer as Ferraris, que haviam conquistado os dois primeiros lugares há uma semana

Publicado domingo, 27 de março de 2022 às 17:31 h | Atualizado em 28/03/2022, 18:38 | Autor: AFP
O holandês Max Verstappen venceu neste domingo o Grande Prêmio da Arábia Saudita
O holandês Max Verstappen venceu neste domingo o Grande Prêmio da Arábia Saudita -

O atual campeão da Fórmula 1, o holandês Max Verstappen (Red Bull) venceu neste domingo o Grande Prêmio da Arábia Saudita, segunda corrida da temporada 2022, à frente do monegasco Charles Leclerc (Ferrari), que havia vencido o primeiro GP. 

O espanhol Carlos Sainz Jr (Ferrari) terminou em terceiro, completando o pódio no circuito de Jeddah. 

Verstappen conseguiu, portanto, vencer as Ferraris, que haviam conquistado os dois primeiros lugares há uma semana no Bahrein (Leclerc em primeiro e Sainz Jr em segundo). 

Como havia acontecido em Sakhir, Verstappen e Leclerc deram show e lutaram pela vitória nas últimas voltas, mas desta vez o campeão de 2021 conseguiu vencer, depois de ter que abandonar no fim de semana passado. 

"Lutamos muito na frente. Foi difícil. Estou muito feliz por finalmente termos dado o pontapé inicial na temporada", disse Verstappen após a vitória. 

Apesar de perder no fim, Leclerc mantém a liderança no campeonato mundial após duas etapas. "Não foi o suficiente hoje, mas eu realmente gostei da corrida. Foi uma corrida difícil, mas justa. Todas as corridas deveriam ser assim. Foi divertido, estou obviamente desapontado, queria vencer hoje", admitiu ele.

O mexicano Sergio Pérez, da outra Red Bull, largou da pole, mas terminou em quarto lugar na corrida.

O piloto de Guadalajara liderou a corrida em sua primeira parte, mas não teve sorte parando para trocar os pneus pouco antes de um acidente do canadense Nicholas Latifi (Williams), que provocou a entrada do 'safety car'. 

Seus perseguidores imediatos aproveitaram o pit stop 'gratuito' graças ao safety car para ultrapassá-lo.

O britânico Lewis Hamilton (Mercedes), sete vezes campeão do mundo, havia largado na 15ª posição no grid após um mau desempenho na classificação de sábado e entrou por pouco neste domingo na zona de pontuação, terminando a prova em décimo.

Na outra Mercedes, o britânico George Russell teve um desempenho melhor e terminou em quinto lugar.

Os franceses Esteban Ocon (Alpine) e Pierre Gasly (AlphaTauri) ficaram em sexto e oitavo, respectivamente, com o inglês Lando Norris (McLaren) em sétimo entre eles. O espanhol Fernando Alonso (Alpine) abandonou a quinze voltas do fim devido a uma falha de motor.

Fim de semana com sobressaltos -

Neste domingo ainda são ouvidos os ecos do forte acidente sofrido nos treinos classificatótios pelo alemão Mick Schumacher (Haas), que foi declarado ausente da prova. 

O piloto de 23 anos disse que estava fisicamente "pronto para correr" em Jeddah, mas sua equipe optou por não reconstruir com urgência o carro danificado e manter peças de reposição para o próximo GP da Austrália, de 8 a 10 de abril. 

O Grande Prêmio da Arábia Saudita, já polêmico pela natureza perigosa da pista e sobretudo pelas violações dos direitos humanos no país, também foi notícia por questões de segurança. 

A corrida deste domingo foi realizada apesar do fato de que na sexta-feira houve um ataque, reivindicado por rebeldes houthis iemenitas, contra uma instalação de petróleo localizada a cerca de doze quilômetros do circuito. 

Preocupados com a segurança, os pilotos debateram o assunto ao longo de quatro horas durante a noite, de sexta para sábado, antes de concordarem em prosseguir.

Classificação do Grande Prêmio da Arábia Saudita de Fórmula 1

1. Max Verstappen (HOL/Red Bull) os 308,450 km em 1h 24:19.293 (média: 219,481 km/h)

2. Charles Leclerc (MON/Ferrari) a 0.549

3. Carlos Sainz Jr (ESP/Ferrari) a 8.097

4. Sergio Pérez (MEX/Red Bull) a 10.800

5. George Russell (GBR/Mercedes) a 32.732

6. Esteban Ocon (FRA/Alpine-Renault) a 56.017

7. Lando Norris (GBR/McLaren-Mercedes) a 56.124

8. Pierre Gasly (FRA/AlphaTauri-Red Bull) a 1:02.946

9. Kevin Magnussen (DIN/Haas-Ferrari) a 1:04.308

10. Lewis Hamilton (GBR/Mercedes) a 1:13.948

11. Zhou Guanyu (CHN/Alfa Romeo-Ferrari) a 1:22.215

12. Nico Hülkenberg (ALE/Aston Martin-Mercedes) a 1:31.742

13. Lance Stroll (CAN/Aston Martin-Mercedes) a 1 volta

14. Alexander Albon (THA/Williams-Mercedes) não completou

Publicações relacionadas