adblock ativo

Francês volta atrás após comparar brasileiros a nazistas

Publicado terça-feira, 16 de agosto de 2016 às 09:54 h | Atualizado em 21/01/2021, 00:00 | Autor: Da Redação
Renaud Lavillenie
Renaud Lavillenie -
adblock ativo

Depois de comparar torcida brasileira aos alemães nazistas, o francês Renaud Lavillenie voltou atrás na sua declaração. Chateado por ter sido vaiado na disputa pelo ouro com o brasileiro Thiago Braz, o francês lembrou as vaias que o negro norte-americano Jesse Owens recebeu na Olimpíada de 1936 em Berlim.

"Não houve fair play por parte do público. Isso é para futebol, não para o atletismo. Em 1936, o público estava contra Jesse Owens. Não víamos isso desde então. Preciso lidar com isso. Para a Olimpíada, não é uma boa imagem. Não fiz nada para os brasileiros", disse logo após ser derrotado.

Lavillenie tentou alcançar o salto com vara de 6,08 m, mas acabou derrotado por Thiago. O francês considerou que as vaias dos brasileiros o atrapalhou.

Mesmo ainda irritado com a situação, ele admitiu que não cabia comparação com o nazismo. "Eu acho que cometi um erro. Foram minhas primeiras palavras e eu não me dei conta, não queria comparar a isso. Foi só sentimento que eu tive. Na minha vida toda eu nunca tive um sentimento como esse. Foi provavelmente porque estava muito irritado. Como eu disse antes, quando você treina muito forte para a competição da sua vida e tem uma torcida como essa, não é fácil", declarou.

adblock ativo

Publicações relacionadas