adblock ativo

Ponte Preta vai reforçar a marcação para tentar segurar o Corinthians

Publicado quinta-feira, 06 de julho de 2017 às 19:10 h | Atualizado em 19/11/2021, 08:15 | Autor: Estadão Conteúdo
adblock ativo

Sem vencer fora de casa no Campeonato Brasileiro, a Ponte Preta deve adotar cuidados com o sistema de marcação para o confronto com o líder Corinthians, sábado à noite, no Itaquerão, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Além da volta de alguns veteranos, o time vai ter o volante Jadson na vaga do meia Claudinho.

Com 15 pontos, em 11º lugar, a Ponte Preta empatou sem gols com o Avaí na última rodada, em Florianópolis (SC). Espera não perder contra o Corinthians, tanto que vai ter sua força máxima. No meio-campo, por exemplo, ao lado de Fernando Bob vão estar os volantes Elton, poupado, e Jadson no lugar de Claudinho.

Além deles, voltam três jogadores experientes: o zagueiro Rodrigo, o meia Renato Cajá e o atacante Emerson Sheik. Todos estavam suspensos e entram, respectivamente, nas vagas de Kadu, Naldo e Lins.

O lateral-direito Nino Paraíba, poupado na rodada anterior, reassume a camisa titular no lugar de Jeferson. A provável formação seria esta: Aranha; Nino Paraíba, Marllon, Rodrigo e Fernandinho; Fernando Bob, Elton, Jadson e Renato Cajá; Lucca e Emerson Sheik.

Mas o técnico Gilson Kleina não quis confirmar esta escalação, tanto que fechou os portões do treino realizado, nesta quinta-feira, somente à tarde no centro de treinamento. Este foi seu primeiro dia de trabalho na semana, uma vez que desde sábado estava afastado devido a morte do cunhado, fato que o manteve em Curitiba por cinco dias.

Como de praxe, nesta sexta-feira cedo, haverá apenas um treino recreativo e após o almoço a delegação segue para São Paulo, onde ficará concentrada até a hora do jogo deste sábado.

adblock ativo

Publicações relacionadas