adblock ativo

Após acordo, funcionários de Hollywood desistem de greve

Publicado às | Atualizado em 17/10/2021, 16:13 | Autor: Da Redçaão
Entre as reivindicações, estão melhores salários e condições dignas de trabalho. | Foto: GABRIEL BOUYS / AFP
Entre as reivindicações, estão melhores salários e condições dignas de trabalho. | Foto: GABRIEL BOUYS / AFP -
adblock ativo

Os estúdios de Hollywood fecharam contrato de três anos com sindicatos de trabalhadores neste sábado, 16. Neste domingo, 17, seria iniciada uma greve geral dos trabalhadores da indústria cinematográfica dos EUA caso as demandas não fossem atendidas.

Ao todo, 60 mil trabalhadores de cinema e televisão poderiam interromper as atividades. Entre as reivindicações, estão melhores salários e condições dignas de trabalho.

Entre os estúdios que aceitaram as condições dos trabalhadores para evitar a greve estão o Walt Disney Studios, Warner Bros., Paramount Pictures, Apple, Netflix e Amazon. A aliança composta por 13 sindicatos ainda precisa aprovar o acordo.

Em nota, a Aliança dos Produtores de Cinema e Televisão, que representa os estúdios, afirmou que o acordo "atende a questões centrais, incluindo períodos de descanso razoáveis; intervalos para refeição; um salário digno aos que estão no fundo da escala de pagamento; e aumenta significativamente a compensação a ser paga por empresas de novas mídias".

Segundo membros dos sindicatos, contratos anteriores tinham brechas para que empregados fossem forçados a trabalhar por horas excessivas e o tempo de descanso era insuficiente.

"É um final hollywoodiano", disse o presidente do sindicato Matthew Loeb. "Nossos membros se mantiveram firmes".

adblock ativo

Publicações relacionadas