adblock ativo

Passa de 1.200 o número de mortos no terremoto do Haiti

Publicado segunda-feira, 16 de agosto de 2021 às 11:39 h | Atualizado em 16/08/2021, 11:41 | Autor: Da Redação
O chefe da agência de proteção civil, Jerry Chandler, declarou que a situação é mais grave no sul do país, onde mais de 500 pessoas morreram| Foto: AFP
O chefe da agência de proteção civil, Jerry Chandler, declarou que a situação é mais grave no sul do país, onde mais de 500 pessoas morreram| Foto: AFP -
adblock ativo

Segundo atualização das autoridades do Haiti, feita na noite deste domingo, 15, subiu para 1.297 o número de mortes após o forte terremoto no país. O número de feridos ultrapassou a marca dos 2.800 e novo abalo foi registrado.

De acordo com as autoridades, o terremoto destruiu 2.868 edificações e danificou 5.410. Os danos bloquearam estradas e deixaram os hospitais locais no limite. O primeiro-ministro, Ariel Henry, decretou estado de emergência por 30 dias nos quatro departamentos afetados pela catástrofe. O chefe da agência de proteção civil, Jerry Chandler, declarou que a situação é mais grave no sul do país, onde mais de 500 pessoas morreram.

O primeiro tremor de magnitude 7,2 ocorreu na manhã de sábado, 14, a 12 km da cidade de Saint-Louis-du-Sud, localizada a cerca de 160 km da capital haitiana Porto Príncipe. A tragédia voltou a aterrorizar o país com novos registros neste domingo. Dessa vez, o Centro Sismológico Europeu do Mediterrâneo (EMSC, na sigla em inglês) registrou um novo terremoto de magnitude 5,9 a uma profundidade de 8 km (4,97 milhas).

adblock ativo

Publicações relacionadas