adblock ativo

Tabloide acusa Rússia de ter roubado fórmula da AstraZeneca

Publicado às | Atualizado em 11/10/2021, 14:55 | Autor: Da Redação
Publicação não especificou quais documentos teriam sido roubados. | Foto: Reprodução/ PMP
Publicação não especificou quais documentos teriam sido roubados. | Foto: Reprodução/ PMP -
adblock ativo

O tabloide britânico The Sun acusou o governo da Rússia e o Instituto Gamaleya, laboratório biológico russo, de terem roubado a fórmula da vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford e pela AstraZeneca.

Segundo o The Sun, um espião russo infiltrado no Reino Unido roubou as informações do projeto e entregou à produção da Sputnik V. Entretanto, o The Sun não especificou quais documentos teriam sido roubados.

O ministro do Interior britânico, Damian Hinds, não descartou que o governo esteja investigando o caso. "É correto presumir que Estados estrangeiros gostariam de obter informações confidenciais, incluindo as comerciais, segredos científicos e propriedade intelectual", disse.

Nas redes sociais, o Instituto Gamaleya considerou a notícia como mentirosa e disse que a Sputnik V é muito diferente da vacina da AstraZeneca.

"A Sputnik V é baseada na plataforma adenoviral humana criada há sete anos, muito diferente da vacina da AstraZeneca, baseada no adenovírus de um chipanzé. Mentiras na mídia minam a parceria global para lutar contra a Covid-19".

À agência de notícias russa Sputnik, o porta-voz da Presidência, Dmitri Peskov, afirmou que o "The Sun" é um jornal bem conhecido e profundamente não científico.

"Bem, eu suponho que é assim que tratamos essas publicações".

Esta não é a primeira vez que a Rússia é envolvida em situações similares. Em julho de 2020, o Reino Unido, os Estados Unidos e o Canadá acusaram o país de financiar ataques virtuais para acessar os dados da vacina.

adblock ativo

Publicações relacionadas