CPI da Covid aprova lista de Renan que transforma 14 pessoas em investigados

Publicado terça-feira, 22 de junho de 2021 às 11:32 h | Atualizado em 22/06/2021, 11:34 | Autor: Da Redação

Os senadores da CPI da Covid aprovaram a mudança na condição de 14 pessoas, que passaram da condição de testemunha para investigados pela comissão.

Renan apresentou na sexta-feira, 18, a lista de investigados, incluindo o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, o ex-chanceler Ernesto Araújo e o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello.

Governistas reclamaram que a lista não foi votada pelo colegiado, para tentar anulá-la. O presidente Omar Aziz (PSD-AM) então decidiu colocá-la em votação, gerando ainda mais protestos.

Marcos Rogério (DEM-RO) então reclamou que isso não poderia ser feito, segundo o regimento interno do Senado.

"Estou fazendo porque eu posso", respondeu Omar Aziz.

Os senadores também fizeram um minuto de silêncio, em homenagem aos 500 mil mortos em decorrência da Covid-19

Publicações relacionadas