Joaquim Barbosa diz que Forças Armadas devem ficar "quietinhas"

Ex-ministro do STF rebateu nas redes sociais declarações do ministro da defesa sobre eleições

Publicado quinta-feira, 07 de julho de 2022 às 19:03 h | Atualizado em 07/07/2022, 19:03 | Autor: Da Redação
Joaquim Barbosa usou as redes sociais para defender que as Forças Armadas se mantenham distantes do processo eleitoral
Joaquim Barbosa usou as redes sociais para defender que as Forças Armadas se mantenham distantes do processo eleitoral -

As declarações do Ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira, durante audiência no Congresso na quarta-feira, 6, provocaram a reação do ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa. Pelas redes sociais, o ex-magistrado se mostrou contrário à atuação das Forças Armadas nas eleições.

Na audiência, o Ministro da Defesa afirmou que “nenhum sistema é inviolável”, incluindo as urnas eletrônicas. Ele também disse que tem tratado do processo eleitoral por ter sido convidado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a participar das discussões.

“As Forças Armadas estavam quietinhas em seu canto e foram convidadas pelo TSE a participarem dessa Comissão de Transparência Eleitoral (…). Meu envolvimento foi único e exclusivamente por ter sido convidado pelo TSE para fazer parte desse processo”, disse.

Sobre a declaração do ministro, Barbosa escreveu: “Ora, general, as Forças Armadas devem permanecer quietinhas em seu canto, pois não há espaço para elas na direção do processo eleitoral brasileiro. Ponto”. Ele disse ainda que insistir numa “pressão desabrida e cínica sobre a Justiça Eleitoral, em clara atitude de vassalagem em relação a Bolsonaro, que é candidato à reeleição, é sinalizar ao mundo que o Brasil caminha paulatinamente rumo a um golpe de Estado”. “Pense nisso, general”, escreveu.

Segundo o ex-ministro do Supremo, o Brasil tem um ramo da Justiça independente que foi concebido “precisamente para subtrair o processo eleitoral ao controle dos políticos”. “E dos militares de casaca, claro.”

Publicações relacionadas