"Prefeitura está a serviço da pré-candidatura de ACM Neto", diz Roma

Ex-ministro de Bolsonaro afirmou que Neto não permite que Bruno Reis exerça o papel de prefeito

Publicado segunda-feira, 11 de julho de 2022 às 09:44 h | Atualizado em 11/07/2022, 09:50 | Autor: Dante Nascimento
João Roma também criticou fato de Neto não ter declarado ainda apoio a nenhum candidato à presidência da República
João Roma também criticou fato de Neto não ter declarado ainda apoio a nenhum candidato à presidência da República -

O pré-candidato do PL ao governo da Bahia, João Roma, criticou nesta segunda-feira, 11, a influência de ACM Neto, pré-candidato do União Brasil, na gestão municipal. "Hoje você vê uma prefeitura a serviço da pré-candidatura de ACM Neto”, afirmou.

Em entrevista à uma rádio na internet, o ex-ministro do governo Bolsonaro disse que "ACM Neto não deixou de ser prefeito e não saiu da prefeitura e não permite a Bruno Reis, que é trabalhador, que possa exercer a sua liderança como prefeito".

Roma também criticou o fato de Neto não ter declarado ainda apoio a nenhum candidato à presidência da República. “Não sabe se é peixe ou carne. Ele diz que só fala de eleições da Bahia. E a Bahia está em outro continente? Ele dá de ombros para o futuro do Brasil”, disse.

Segundo Roma, Neto é refém do politicamente correto. “É como o João Dória, que só fala o que quer agradar a plateia. Ele fica querendo agradar a todos”.

Procurada pela reportagem, a Prefeitura de Salvador disse que o prefeito Bruno Reis não vai comentar as declarações de João Roma. Já a assessoria de comunicação de ACM Neto não respondeu se vai se posicionar.  

Publicações relacionadas