adblock ativo

Em tréplica, Neto culpa Wagner pela insegurança da Bahia: "fecha os olhos"

Publicado às | Atualizado em 16/10/2021, 18:04 | Autor: Da Redação
Neto afirmou que Wagner fecha os olhos para a situação da violência na Bahia. Foto: Olga Leiria | Ag. A TARDE |
Neto afirmou que Wagner fecha os olhos para a situação da violência na Bahia. Foto: Olga Leiria | Ag. A TARDE | -
adblock ativo

O ex-prefeito de Salvador e provável postulante ao governo da Bahia, ACM Neto (DEM), usou as redes sociais neste sábado, 16, para rebater ao senador Jaques Wagner (PT), seu provável concorrente em 2022..

Durante entrevista coletiva, Wagner disse que as eleições são nacionais e não será o ex-prefeito que irá decidir sobre a nacionalização ou não, e sim "o povo". A declaração do senador foi uma resposta ao democrata, que sugeriu que Lula não definiria a eleição na Bahia.

>>Wagner rebate ACM Neto: "O povo vota de cima para baixo"

Neto afirmou que Wagner fecha os olhos para a grave situação da violência na Bahia e esperava que o ex-governador do estado fizesse um mea-culpa.

"O ex-governador é um dos grandes responsáveis pela escalada da insegurança. Governou a Bahia por oito anos e a lembrança que se impõe do seu período foram as duas greves da polícia que duraram 14 dias", disse Neto.

Ele afirmou ainda que o PT governou a Bahia por 16 anos e o estado é o que mais cresce a criminalidade. "Será que precisa acontecer mais alguma coisa para o senador Jaques Wagner reconhecer o fracasso do PT no combate à violência?", questionou o presidente do DEM.

Por fim, ele afirmou que a Bahia precisa de um governador que combata a violência, "o que Jaques Wagner nunca conseguiu fazer", escreveu Neto.

adblock ativo

Publicações relacionadas