Publicação no Diário Oficial torna sem efeito nomeação de Decotelli

Publicado quarta-feira, 01 de julho de 2020 às 08:50 h | Atualizado em 21/01/2021, 00:00 | Autor: Da Redação

O governo federal publicou no Diário Oficial da União desta quarta-feira, 1°, o decreto que torna sem efeito a nomeção de Carlos Alberto Decotelli da Silva para o cargo de ministro da Educação. O indicado ao cargo pediu demissão na tarde desta terça-feira, 30. 

Decotelli ficou cinco dias frente à pasta, porém, não chegou a tomar posse. Ele decidiu deixar o governo após universidades internacionais e a Fundação Getulio Vargas apontarem informações inverídicas em seu currículo. 

De acordo com a FGV, Carlos Alberto Decotelli atuou como professor colaborador nos cursos de "educação continuada, nos programas de formação de executivos" e não na condição de docente efetivo da entidade, como havia informado.

A informação da nomeação de Decotelli foi publicada no dia 25 de junho, no Diário Oficial. O próximo ministro, ainda não anunciado, será o quarto a entrar na pasta no governo Bolsonaro. 

Publicações relacionadas