TCM mantém exoneração de cunhada do prefeito de Caculé

Publicado sexta-feira, 26 de novembro de 2021 às 07:15 h | Atualizado em 26/11/2021, 07:38 | Autor: Da Redação

A determinação de exoneração da servidora Mary Marta Silva, cunhada do  prefeito de Caculé, Pedro Dias da Silva (PSB), para o cargo de chefe de gabinete foi mantida pelo Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia (TCM-BA).  O relator do recurso, conselheiro Nelson Pellegrino, justificou a medida pelo fato de, embora o cargo seja de natureza política, o prefeito não comprovou a sua qualificação profissional e aptidão técnica para o cargo.

Na sessão dessa quinta-feira (25), os conselheiros do TCM acataram, em parte, o recurso ordinário apresentado pelo prefeito Pedro Dias da Silva contra decisão que considerou irregular a nomeação da sua cunhada. A irregularidade, denunciada por vereadores, foi cometida no exercício de 2021.

O conselheiro Nelson Pellegrino manteve a procedência parcial da denúncia, mas reduziu a multa imputada de R$ 3 mil para R$ 1 mil, por considerar que o gestor não é reincidente.

Publicações relacionadas