Polícia identifica suspeitos de participação na morte de turista grávida em Maraú

Publicado quinta-feira, 31 de dezembro de 2020 às 08:14 h | Atualizado em 31/12/2020, 08:28 | Autor: Da Redação

Quatro homens suspeitos de participação na morte da turista catarinense Andreza Maestri, de 44 anos, em Maraú, Sul baiano, durante um latrocínio, foram identificados pela Polícia Civil, nesta quarta-feira, 30.

De acordo com o órgão, um pedido de prisão preventiva foi solicitado pela Justiça para um dos suspeitos de integrar o grupo, composto por três adolescentes e um adulto. O crime aconteceu no último dia 23, na BA-001.

O assassinato aconteceu após a turista, que estava grávida de seis meses, tentar fugir com o marido, Luciano Cunha durante a tentativa de assalto. Porém, os suspeitos realizaram disparos em direção ao carro do casal. Após ser atingida, Maestri chegou a ser encaminhada ao Hospital Costa do Cacau, em Ilhéus, onde ficou em coma até terça-feira, 29, quando não resistiu.

Publicações relacionadas