Dia Mundial da Saúde Mental relembra índices alarmantes no Brasil

Publicado quinta-feira, 10 de outubro de 2019 às 13:19 h | Atualizado em 10/10/2019, 13:30 | Autor: Da Redação

O dia Mundial da Saúde Mental acontece nesta quinta-feira, 10, e o Brasil é primeiro lugar no ranking mundial de pessoas afetadas pelo transtorno da ansiedade. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) , são 18,6 milhões de brasileiros com o problema. Compondo aproximadamente 9% da população nacional, os sintomas costumam se mostrar logo na juventude, mas são ignorados, o que compromete o desenvolvimento e traz limitações aos indivíduos.

“No imaginário social, problemas de saúde mental geralmente são associados à figura de uma pessoa completamente desorientada. Mas essa imagem não diz respeito à realidade. Por acreditar nisso, e obviamente por não querer ser identificado como essa figura que perdeu a lucidez, a sociedade de uma forma geral cuida muito pouco da sua saúde mental e não entende que ela é um campo que atravessa todas as dimensões sociais”, relata o psicólogo e professor da Universidade Salvador (UNIFACS), Bruno Vivas.

Os cuidados com a saúde mental, porém, podem começar de maneira muito simples. Praticar exercícios, manter uma alimentação saudável, fazer passeios ao ar livre com família e amigos, dormir oito horas por dia, conversar sobre os sentimentos com alguém de confiança e procurar ajuda profissional, se preciso, são seis ações sugeridas pela Organização Pan Americana de Saúde (OPAS).

Publicações relacionadas