Saúde gera apagão de casos de Covid desde setembro

A pasta realizou uma mudança no sistema, o que gerou a falha

Publicado segunda-feira, 06 de dezembro de 2021 às 14:55 h | Atualizado em 09/12/2021, 10:58 | Autor: Administrator

O Ministério da Saúde realizou uma mudança no registro de casos positivos de infecção pelo Sars-CoV-2, o que fez com que o país apresentasse um apagão de casos leves sintomáticos de Covid desde setembro.

A pasta  passou a exigir, em agosto, a inclusão do número de lote e fabricante dos chamados testes de antígeno nos sistemas de saúde para a notificação dos casos na plataforma e-SUS Notifica.

Com isso, a quantidade de resultados positivos e negativos desses testes sofreu uma queda abrupta, o que pode representar subnotificação de casos do coronavírus em todo o país.

A regra não afeta as notificações de síndrome respiratória aguda grave (Srag), que utilizam um outro sistema, o Sivep-Gripe, onde são também notificadas as internações e os óbitos. O efeito é principalmente sobre os casos sintomáticos leves e que podem ajudar a entender a transmissão do coronavírus.

Acompanhar esses índices é estratégico para a adoção de medidas contra a propagação da Covid. Em meio à chegada da variante ômicron —potencialmente mais transmissível, mas cujo risco real ainda é pouco compreendido pelos cientistas—, entender se o Brasil passará ou não por uma alta de casos é fundamental.

Os números são também essenciais para o planejamento de eventos de grande porte, como o Carnaval e as festas de fim de

ano.

Publicações relacionadas