Arcanjo revela sonho no Vitória: "Subir para a Série A e ser campeão" | A TARDE
Atarde > Esportes > E.C.Vitória

Arcanjo revela sonho no Vitória: "Subir para a Série A e ser campeão"

Paredão tem 113 jogos com a camisa Rubro-Negra

Publicado terça-feira, 15 de agosto de 2023 às 20:25 h | Autor: Da Redação
Lucas Arcanjo é um dos destaques da boa campanha do Vitória na Série B
Lucas Arcanjo é um dos destaques da boa campanha do Vitória na Série B -

Destaque do jogo contra o Ceará com defesas importantes que garantiram o resultado por 1 a 0, o goleiro Lucas Arcanjo concedeu entrevista coletiva na tarde desta terça-feira, 15. 

Para o jogo contra o Botafogo-SP, nesta sexta-feira, 18, a equipe terá no mínimo seis desfalques. A maioria deles, na defesa. Lucas se mostra confiante nos eventuais substitutos.

"Não rola preocupação nenhuma. A gente tem um elenco bem preparado. Então, tenho certeza que quem for entrar no lugar dos desfalques, dará conta do recado", comentou.

Lesões, atuações questionadas e desconfiança da torcida. Apesar da titularidade quase incontestável na meta do Vitória, Lucas Arcanjo já viveu altos e baixos no clube. Focado no acesso, ele crê que a tranquilidade é fundamental para seguir trabalhando.

"Eu não falo como pior momento. Na verdade, a carreira de um atleta é feita de altos e baixos. Se você for pegar de atletas de alto rendimento na Europa, desde o início da carreira não tem como manter 100% até o final da carreira. Isso é só atleta. É manter a cabeça no lugar que as coisas vão acontecer naturalmente", disse.

"Na verdade, você não pode absorver essas coisas. Como falei, o atleta tem que ter a cabeça boa. Nem quando tem muito elogio e críticas, tem que estar com a cabeça tranquila. Acontece. É da profissão. Eu, como fui criado na base, passei por isso. A gente voltou pra série B agora. A gente conquistando este acesso a Série A, será gratificante pra mim individualmente e coletivamente também. O Vitória precisa disso e merece", completou.

O paredão quer fazer história. Perguntado sobre qual o seu sonho no Vitória, Arcanjo não titubeou: O acesso e o título da Série B. Seria o primeiro nacional do Leão da Barra. 

"Meu sonho, quando subi ao profissional, a gente estava na Série B, era subir para a Série A jogando e jogar uma Série A pelo Vitória. Meta minha, e como falei, fui da base, por todo amor ao clube, também é uma meta minha subir para a Série A e ser campeão", revelou.

A evolução de Lucas Arcanjo passa também pelo trabalho dos preparadores Itamar Ferreira e Paulo Musse. O arqueiro Rubro-Negro elogiou o trabalho dos professores.

"Eu estou há nove anos no Vitória, e, desde a base, a gente [preparadores Itamar Ferreira e Paulo Musse] trabalha junto. Ele é muito capacitado. Dou até assistências graças aos treinos, observo as movimentações dos adversários e as táticas deles, são sempre passadas pra gente as estratégias antes do jogos", enalteceu.

Publicações relacionadas