Vini Jr pede punição à UEFA após atos racistas: "Triste realidade" | A TARDE
Atarde > Esportes

Vini Jr pede punição à UEFA após atos racistas: "Triste realidade"

Brasileiro foi xingado por torcedores do Atlético de Madrid antes de uma partida pela Champions League

Publicado quinta-feira, 14 de março de 2024 às 15:40 h | Autor: Da Redação
Vinícius Júnior após marcar gol contra o Valência
Vinícius Júnior após marcar gol contra o Valência -

Após ser vítima de cantos racistas por parte dos torcedores do Atlético de Madrid na última quarta-feira, 13, o atacante brasileiro Vinícius Júnior se manifestou nas redes sociais pedindo punição à UEFA, entidade responsável por sediar a Champions League. A partida foi entre o time espanhol e a Inter de Milão, da Itália, e não teve presença do camisa 7 do Real Madrid, que mesmo assim foi ofendido. 

Nas mediações do Wanda Metropolitano, o brasileiro foi chamado de "Chimpanzé" por um grupo de torcedores. Assim, relembrando o caso de 2023, quando um boneco com a camisa do jogador foi pendurado pelo pescoço em um viaduto na cidade, juntamente com uma frase "Madrid odeia o Real". 

Segundo o Jornal AS, da Espanha, a ofensa ocorreu durante a chegada do ônibus do Atlético de Madrid. Enquanto uma parte da torcida cantava "Alé, alé, alé, Atleti te amo, contigo até o final", um grupo de torcedores mudou a letra para "Alé, alé, alé, Vinicius chimpanzé". 

Assim, o jogador republicou o vídeo e escreveu "Espero que vocês já tenham pensado na punição deles @ChampionsLeague @UEFA. É uma triste realidade que passa até nos jogos que eu não estou presente!". 

Publicações relacionadas