Menu
Pesquisa
Pesquisa
Busca interna do iBahia
HOME > MUNDO
Ouvir Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no X Compartilhar no Email
11/04/2022 às 23:45 • Atualizada em 12/04/2022 às 0:03 - há XX semanas | Autor: AFP

Mudança climática também atingiu o longo verão de Netuno

Estações no respectivo planeta chegam a durar 40 anos

O verão no sul do planeta começou há 17 anos e dados confirmam que as temperaturas esfriaram
O verão no sul do planeta começou há 17 anos e dados confirmam que as temperaturas esfriaram -

O planeta Netuno é lendário entre os astrônomos por causa de suas estações, que duram 40 anos. O que os cientistas não esperavam é que seu verão mostrasse sinais de resfriamento.

O verão no sul do planeta começou há 17 anos, e dados publicados nesta segunda-feira, 11, confirmam que as temperaturas esfriaram.

"Essa mudança foi inesperada", explicou Michael Roman, astrônomo da universidade britânica de Leicester, responsável pelo estudo e citado em um comunicado do Observatório Europeu Austral (ESO).

Os cientistas sabem relativamente pouco sobre Netuno, o oitavo planeta do sistema solar.

É o planeta mais distante do Sol, o que faz com que sua órbita anual dure o equivalente a 165 anos terrestres.

Os telescópios de gerações anteriores não conseguiam extrair a luz pálida desse objeto estelar totalmente azulado, envolto em uma espessa camada de amônia, água gelada e metano em estado sólido.

A sonda Voyager 2 conseguiu em 1989 enviar as primeiras imagens nítidas de Netuno. E agora é permanentemente vigiado pelo telescópio espacial Hubble e pelo Grande Telescópio ESO no Chile.

A atmosfera de Netuno é muito dinâmica, lembra o estudo, publicado pelo Planetary Science Journal.

Os ventos são os mais violentos conhecidos no sistema solar: mais de 2.000 km/h.

Os dados indicavam que normalmente, com a chegada do verão austral em 2005, o planeta começaria a aquecer, explicou Michael Roman.

Mas a temperatura na parte sul do planeta caiu em média 8 graus Celsius entre 2003 e 2018. A temperatura média do planeta é de -200 graus Celsius, o que dificulta as medições.

Somente graças à sensibilidade das imagens infravermelhas de grandes telescópios é possível observar Netuno com clareza, explicou Leigh Fletcher, coautor do estudo e astrônomo da universidade de Leicester.

"Esta tecnologia só está disponível há vinte anos", apontou.

As observações também detectaram outro fenômeno, o aquecimento repentino do polo sul de Netuno, de cerca de 11 graus Celsius entre 2018 e 2020.

Não há uma explicação clara para esses fenômenos, que podem ser devidos a uma evolução da química na estratosfera ou a ciclos solares.

O impacto das variações solares também é discutido entre os especialistas para explicar as mudanças climáticas na Terra.

Assuntos relacionados

mudança climática planeta netuno

Compartilhe essa notícia com seus amigos

Compartilhar no Email Compartilhar no X Compartilhar no Facebook Compartilhar no Whatsapp

Tags:

mudança climática planeta netuno

Repórter cidadão

Contribua para o portal com vídeos, áudios e textos sobre o que está acontecendo em seu bairro

ACESSAR

Assuntos relacionados

mudança climática planeta netuno

Publicações Relacionadas

A tarde play
O verão no sul do planeta começou há 17 anos e dados confirmam que as temperaturas esfriaram
Play

Fotógrafo brasileiro expõe ação de batedores de carteira em Paris

O verão no sul do planeta começou há 17 anos e dados confirmam que as temperaturas esfriaram
Play

Vídeo: Papa Francisco faz oração pelo povo gaúcho em missa no Vaticano

O verão no sul do planeta começou há 17 anos e dados confirmam que as temperaturas esfriaram
Play

Vídeo: colisão de helicópteros militares na Malásia deixa 10 mortos

O verão no sul do planeta começou há 17 anos e dados confirmam que as temperaturas esfriaram
Play

Vídeo: Bebê palestino nasce após morte da mãe em ataque aéreo

x

Assine nossa newsletter e receba conteúdos especiais sobre a Bahia

Selecione abaixo temas de sua preferência e receba notificações personalizadas

BAHIA BBB 2024 CULTURA ECONOMIA ENTRETENIMENTO ESPORTES MUNICÍPIOS MÚSICA POLÍTICA