Motorista trafega pela contramão e provoca morte de motociclista na avenida ACM

Publicado domingo, 28 de março de 2021 às 09:01 h | Atualizado em 28/03/2021, 11:31 | Autor: Da Redação

Um grave acidente deixou um motociclista de transporte por aplicativo morto em Salvador, na noite deste sábado, 27. De acordo com testemunhas, o motorista de um carro, modelo Ford Fusion, cor branca, pegou a contramão em um dos viadutos do BRT na Avenida ACM, em alta velocidade, e atingiu a motocicleta, em frente ao hipermercado Sam's.

A vítima, o entregador de delivery Carlos Pereira Abade, morreu na hora. Além da moto, um outro veículo também foi atingido e não há informações sobre feridos.

Imagem ilustrativa da imagem Motorista trafega pela contramão e provoca morte de motociclista na avenida ACM
Vítima morreu no local do acidente | Foto: Reprodução | Cidadão Repórter

Logo após o acidente, diversos motociclistas perseguiram e agrediram o suspeito. Houve muita correria na região. Ainda não há detalhes sobre a identidade do condutor do carro ou as motivações do acidente.

Por meio de vídeos que circulam nas redes sociais, os motociclistas afirmam que o condutor do Fusion estava alcoolizado. 

Em nota, a Polícia Militar informou que equipes da 35ª CIPM foram acionadas após um acidente de trânsito causar a morte de um motociclista, na Avenida ACM, Iguatemi, por volta das 20h. 

No local, a guarnição isolou a área para que as equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e do Serviço de Investigação em Local de Crime (Silc) pudessem atuar na ocorrência.

"O autor do acidente foi conduzido para a Central de Flagrantes onde a ocorrência foi registrada", diz o comunicado da PM.

CNH vencida

De acordo com a Polícia Civil, por meio da assessoria, conforme o registro de ocorrência na Central de Flagrantes, o condutor do carro trafegava na contramão quando atingiu a motocicleta conduzida pelo entregador. Populares agrediram o condutor do carro, que foi socorrido e preso por policiais militares. 

"O suspeito apresentava sinais de embriaguez e estava com Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vencida desde novembro de 2019. Ele foi autuado pela infração de direção sob a influência de álcool ou de qualquer outra substância psicoativa que determine dependência, e pelo crime de praticar homicídio culposo na direção de veículo, sob a influência de álcool ou outra substância que determine dependência – ambos do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). O homem passou por exames de lesões e está à disposição do Poder Judiciário", informou a Polícia Civil.

Publicações relacionadas