Menu
Pesquisa
Pesquisa
Busca interna do iBahia
HOME > bahia > SALVADOR
Ouvir Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no X Compartilhar no Email
30/10/2023 às 6:00 • Atualizada em 30/10/2023 às 10:03 - há XX semanas | Autor: Jane Fernandes

TURISMO

Turismo tem alta de 13% na Bahia, diz IBGE

Índice é maior do que o dobro da média nacional no mesmo período

Mais de 440 mil cruzeiristas devem visitar o estado até maio de 2024
Mais de 440 mil cruzeiristas devem visitar o estado até maio de 2024 -

Os números não deixam dúvidas sobre a plena retomada do turismo na Bahia, gerando a expectativa do estabelecimento de novos marcos no Verão que se aproxima. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram um crescimento de 13% no volume das atividades turísticas no estado, mais que o dobro dos 4,9% da média nacional. O percentual é uma comparação do último mês de agosto com o mesmo período de 2022.

O presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis na Bahia (Abih-BA), Luciano Lopes, afirma que pela primeira vez, desde a pandemia, o setor hoteleiro alcançou constância nos resultados.

“Desde julho que a gente tem ocupação mensal acima de 60% nos hotéis, variando entre 60% e 65%. A tendência é que outubro também fique nesse patamar”, comenta, referindo-se a Salvador, e acrescentando que a média antes da covid era de 62%.

O aumento do fluxo de visitantes também foi notado no aeroporto de Salvador, onde a movimentação do mês passado foi 27% maior do que a de setembro de 2022. Segundo a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), o Verão deve atrair cerca de 3,5 milhões de visitantes para a capital baiana, superando o recorde anterior de 3,3 milhões, registrado em 2019, último ano antes da pandemia.

O casal Hugo Tenório e Vitória Alexandre nem esperou a chegada da estação mais quente do ano para curtir o calor e o litoral baiano. Moradores de Maceió, eles viajaram quase 600 quilômetros de carro na última quarta-feira, e só passaram no hotel para deixar a bagagem e tomar banho. Guiado por Vitória, que já visitou Salvador inúmeras vezes, ele começou seu roteiro de estreia pelo Farol da Barra.

Estratégia

Quando chegaram ao Farol, capoeiristas se organizavam para entreter os turistas tocando berimbau enquanto eles seguiam para visitar o Museu Náutico, no interior do forte. Hugo disse estar encantado com Salvador, não só pela beleza, mas pela organização e pelo “trânsito bom de andar”, em comparação com sua cidade natal. O casal permaneceria dois dias na capital, seguindo depois para a Costa do Sauipe.

Em viagem pela Europa em missão de divulgação do turismo de negócios no estado, o secretário de Turismo da Bahia, Maurício Bacelar, não pôde dar entrevista. Em nota enviada pela assessoria da pasta, ele afirma: “tudo isso está acontecendo porque nos preparamos com infraestrutura, capacitação, qualificação e promoção dos destinos, em um trabalho que tem a contribuição dos governos federal e municipais, do trade turístico e da sociedade civil organizada".

A avaliação positiva quanto ao setor é reforçada pelo presidente da Abih no estado. “Hoje, em todas as pesquisas que são feitas, por vários caminhos, aparecem destinos da Bahia entre os mais procurados: Salvador, Porto Seguro e Litoral Norte”, fala Luciano Lopes. Independentemente de levantamentos, ele destaca ainda a Chapada Diamantina, Barra Grande, Itacaré e Trancoso como destinos tradicionalmente muito procurados no Verão.

Na rede hoteleira, a expectativa é ter uma ocupação entre 75% e 80% ao longo da estação mais quente do ano, alcançando picos de 100% no Carnaval, no Réveillon e em finais de semana com grandes eventos. Lopes ressalta que a rede hoteleira tem papel ativo na captação de turistas, colocando “o produto na prateleira de venda” não só no Brasil, mas em outros países, a exemplo de Portugal, Espanha, Argentina, Chile e Colômbia.

Lopes destaca ainda o papel central da hotelaria no crescimento de 34% na arrecadação do ISS (Imposto sobre Serviço) nos segmentos de hospedagem, turismo e eventos entre 2022 e 2023, divulgado pela gestão municipal. A retomada do setor é observada até mesmo por empreendimentos mais recentes, como o Canto Hotel, que completará dois anos no início de 2024.

“Percebemos que os investimentos no setor turístico e esforços na promoção do estado baiano tem surtido este efeito na apresentação do nosso estado, aumentando nossa visibilidade de uma forma positiva trazendo este maior fluxo de turistas”, avalia a proprietária do Canto Hotel, Ausy Pezzangora. Situado no Rio Vermelho, o hotel espera uma ocupação média de 92% no Verão.

Presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagem da Bahia (Abav-BA), Jean Paul Gonze destaca a grande aceitação nas ações de promoção do destino Bahia ao redor do mundo, e a boa estrutura de recepção ofertada aos visitantes. “Temos tudo, gastronomia, religiosidade, praias, história, arquitetura, todo esse conjunto e outras coisas mais fazem com que a Bahia seja olhada como destino de qualidade”, comenta.

Sobre o setor que representa, Gonze afirma “as agências de viagem têm notado um significativo aumento e temos a temporada de navios, que começou agora em outubro, e isso tem dado um movimento bastante animador”.

Além do fluxo marítimo e aéreo, ele acrescenta o maior volume de excursões rodoviárias chegando a Salvador neste início da alta temporada, em comparação ao ano passado.

Mais de 440 mil cruzeiristas devem visitar o estado até maio de 2024

Mais de 440 mil viajantes de cruzeiros devem desembarcar na Bahia até maio de 2024, totalizando 130 operações nos portos de Salvador, Ilhéus e Porto Seguro, segundo divulgado pela Secretaria de Turismo da Bahia (Setur).

A temporada teve início na última quarta-feira, quando cerca de três mil pessoas desembarcaram na capital baiana e passaram o dia visitando a cidade.

Esse foi o caso do casal gaúcho José Valdir Costa e Edi Costa, em sua segunda passagem por Salvador como cruzeiristas. Por volta das 15h, eles chegaram ao Farol da Barra, antes tinham visitado o Rio Vermelho, onde almoçaram em um restaurante de culinária baiana. Moradores de Novo Hamburgo, José e Edi viajavam com mais três casais, entre parentes e amigos.

A bordo do navio há 20 dias, eles seguiram para Ilhéus no início da noite, cidade na qual o cruzeiro faria a última parada antes de navegar até São Paulo, de onde pegariam o avião para o Rio Grande do Sul. Embora sejam cruzeiristas habituais, eles também visitaram a Bahia em outro formato, quando passaram alguns dias em um antigo resort da ilha de Itaparica.

Cultura afro

Diretor de Turismo da Secult (Secretaria Municipal de Cultura e Turismo), Gegê Magalhães informou que o Município, em parceria com o Estado, está fazendo o acompanhamento da experiência dos cruzeiristas em Salvador, aplicando questionários por amostragem.

“Para a gente saber o que está acertando, o que está errando e o que a gente pode melhorar”, explica.

Magalhães conta que a intenção é cada vez mais “antecipar” o Verão, trazendo o fluxo típico da estação antes mesmo da sua chegada oficial, em dezembro. A consolidação do mês de novembro como período de destaque da cultura afro vem dentro dessa perspectiva, com a realização do Salvador Capital Afro e o recebimento de outros eventos, a exemplo do Festival Liberatum, que deve trazer personalidades como Viola Davis à cidade.

Capitaneada pelo Estado, a captação de novos voos é outro fator destacado pelo diretor de Turismo, citando o início recente dos voos Salvador - Varsóvia. De acordo com o Salvador Bahia Airport, em 2 de janeiro de 2024, a empresa Sky Airline irá iniciar operações ligando a capital baiana às cidades de Montevidéu (Uruguai) e Santiago (Chile). E o número de voos semanais para Buenos Aires (Argentina) aumentará de quatro para seis, na segunda quinzena de dezembro.

Compartilhe essa notícia com seus amigos

Compartilhar no Email Compartilhar no X Compartilhar no Facebook Compartilhar no Whatsapp

Repórter cidadão

Contribua para o portal com vídeos, áudios e textos sobre o que está acontecendo em seu bairro

ACESSAR

Publicações Relacionadas

A tarde play
Mais de 440 mil cruzeiristas devem visitar o estado até maio de 2024
Play

Policial é atropelado em blitz por moto de criminosos em Sussuarana

Mais de 440 mil cruzeiristas devem visitar o estado até maio de 2024
Play

Passageiro é retirado do metrô de Salvador após briga no vagão

Mais de 440 mil cruzeiristas devem visitar o estado até maio de 2024
Play

Motorista não é localizado após veículo derrubar poste no Caminho das Árvores

Mais de 440 mil cruzeiristas devem visitar o estado até maio de 2024
Play

Incêndio é registrado em região de mata próximo ao Barradão

x

Assine nossa newsletter e receba conteúdos especiais sobre a Bahia

Selecione abaixo temas de sua preferência e receba notificações personalizadas

BAHIA BBB 2024 CULTURA ECONOMIA ENTRETENIMENTO ESPORTES MUNICÍPIOS MÚSICA POLÍTICA