MPF tem prazo de 15 dias detalhar ações para conter manchas de óleo

Publicado terça-feira, 22 de outubro de 2019 às 09:59 h | Atualizado em 22/10/2019, 10:03 | Autor: Da Redação | Foto: Shirley Stolze | Ag. A TARDE

A Justiça Federal estabeleceu ao Ministério Público Federal (MPF), o prazo de 15 dias, para detalhar quais outras ações o órgão pede que sejam adotadas para solucionar o problema das manchas de óleo que atingem as praias baianas e o litoral nordestino.

A determinação da juíza Telma Maria Santos Machado dada no domingo, 20, é uma resposta a solicitação do MPF, na última sexta-feira, 18, para que a união adote um plano de emergência em 24h para esta situação.

O órgão ainda não se pronunciou sobre a decisão.

Publicações relacionadas