Carnaval gerou mais de R$ 6 bilhões para economia da Bahia | A TARDE
Atarde > Carnaval

Carnaval gerou mais de R$ 6 bilhões para economia da Bahia

Salvador recebeu um milhão e cinquenta mil visitantes no período

Publicado quarta-feira, 14 de fevereiro de 2024 às 11:14 h | Atualizado em 14/02/2024, 11:29 | Autor: Eduardo Dias e Pevê Araújo
Zonas turísticas da Bahia registraram três milhões de pessoas
Zonas turísticas da Bahia registraram três milhões de pessoas -

O movimento de turistas na Bahia durante o Carnaval rendeu para a economia do estado o valor de R$ 6 bilhões e seiscentos milhões. A informação foi divulgada na manhã desta quarta-feira, 14, de cinzas, pelo secretário Maurício Bacelar, da Secretaria de Turismo, em coletiva de imprensa sobre o balanço da folia, com o governador Jerônimo Rodrigues (PT).

Bacelar disse também durante a entrevista que Salvador recebeu um milhão e cinquenta mil turistas no período, enquanto a Bahia contabilizou três milhões de visitantes nas zonas turísticas.

"Nós podemos afirmar aqui que entraram de fora da Bahia, em Salvador, um milhão e cinquenta mil turistas e visitantes. E no estado, três milhões de pessoas chegaram para curtir a folia nas 13 zonas turísticas. Este fluxo de visitantes injetou na economia da Bahia, até agora, seis bilhões e seiscentos milhões de reais, que terão reflexo no cumprimento social da atividade turística, de gerar emprego, de gerar renda e recursos para o Estado", disse o secretário.

Bacelar divulgou também que agentes de viagens contratados pelo governo atenderam 5.380 pessoas, que procuraram postos em busca de informações sobre serviços e programação da festa. Ainda de acordo com o secretário, 80% do público teve origem nacional e 20% internacional, com destaque para argentinos, franceses, americanos, espanhóis, chilenos, uruguaios, alemães e poloneses.

"Nós contratamos uma empresa para realizar uma pesquisa científica em Salvador, Mata de São João, Camaçari, Porto Seguro e Lençóis, a fim de identificarmos o fluxo turístico, a origem, o tempo de permanência e o gasto desses turistas aqui na Bahia. Estes dados servirão para basear as ações futuras da Secretaria de Turismo nas suas ações na promoção do destino Bahia", finalizou o secretário.

Publicações relacionadas