Filho de Chorão diz que tem 600 horas de conteúdo inédito do Charlie Brown Jr

Publicado quinta-feira, 02 de dezembro de 2021 às 17:40 h | Atualizado em 02/12/2021, 17:43 | Autor: Da Redação

Alexandre Abrão, filho do cantor Chorão, afirmou que possui cerca de 600 horas de conteúdo inédito do Charlie Brown Jr. Ele, que se envolveu recentemente em uma polêmica envolvendo dois integrantes da formação original da banda, os bateristas Marcão e Thiago Castanho, disse que não recebeu dinheiro pelo documentário que aborda a vida do pai

Em entrevista ao g1, Alexandre disse que cedeu 800 fitas, um total de 800 horas de material bruto, para um documentário da banda e não recebeu nada. Ele diz ainda que tentou apoiar e divulgar o projeto, mas sem retorno. “Depois disso, eu achei em torno de 600 fitas a mais. Então, tem muito material de coisas inéditas”, contou ao g1.

Marcão e Thiago romperam com Alexandre próximo ao dia em que a banda completaria 30 anos. Thiago Castanho chegou a dizer que pretendia fazer uma turnê para comemorar, mas que Alexandre estaria criando empecilhos.

Ao ser chamado de ganancioso por Marcão, Alexandre rebateu afirmando que não esperava ser chamado de ganancioso por uma pessoa que ele considera um tio. Ele disse ainda que não criou empecilho nenhum para a turnê.

Conforme o g1, o filho do Chorão afirmou que gostaria de fazer a turnê de 30 anos com os integrantes da formação original. “Eu gostaria muito de fazer essa tour dos 30 anos com eles. Eu continuo aqui esperando o telefone tocar. Como eu falei, vamos sentar o três numa mesa redonda por três horas de tapa na cara e fazer isso juntos, caral*@#”, disse.

Publicações relacionadas