Bahia perde para o Barcelona-BA e conhece 1º revés no Estadual | A TARDE
Atarde > Esportes > E.C.Bahia

Bahia perde para o Barcelona-BA e conhece 1º revés no Estadual

Tricolor criou boas chances, mas esbarrou em noite inspirada do goleiro Deijair

Publicado quarta-feira, 09 de fevereiro de 2022 às 21:16 h | Atualizado em 09/02/2022, 22:15 | Autor: Alex Torres
Equipe comandada ´pr Guto Ferreira segue fora do G-4 da competição estadual
Equipe comandada ´pr Guto Ferreira segue fora do G-4 da competição estadual -

O Bahia foi surpreendido na noite desta quarta-feira, 9. Em plena Arena Fonte Nova, o Tricolor de Aço foi derrotado pelo Barcelona de Ilhéus, pelo placar de 1 a 0, diante dos 1.500 torcedores que foram prestigiar o time. O único gol da partida foi anotado pelo camaronês Arnold.

>>Veja tabela de classificação e jogos do Estadual

 

Torcedor Raiz

Com o resultado, o Bahia fecha a 5ª rodada fora da zona de classificação para a segunda fase do torneio estadual. A equipe comandada por Guto Ferreira ocupa justamente a 5ª posição, com apenas seis pontos - um triunfo, três empates e uma derrota.

A próxima missão do Esquadrão já será neste sábado, 12 de fevereiro, novamente na Arena Fonte Nova. No entanto, a partida será contra o Globo-RN, válida pela 4ª rodada da Copa do Nordeste. 

>>Leia mais notícias sobre o Bahia

Quem não faz, toma

O Bahia começou dando as cartas na partida e teve a primeira chance logo com 3 minutos de jogo. Raí Nascimento apareceu pela direita e cruzou rasteiro para Rodallega que, de frente para o gol, pegou mal na bola e mandou por cima do travessão. 

Com o decorrer do primeiro tempo, apenas o Esquadrão parecia propor o jogo na Arena Fonte Nova. Em certos momentos, inclusive, a equipe do sul do estado aparecia com todos os 11 jogadores recuados no campo de defesa. 

Mesmo com mais volume de jogo, as chances claras na partida custavam a aparecer. De um lado, o Barcelona de Ilhéus não conseguia sair para o jogo, enquanto o Bahia esbarrava no ferrolho defensivo montado pelo time visitante. 

Aos 22 minutos, o atacante Marcelo Cirino arriscou da entrada da área e mandou no centro do gol, para a defesa fácil de Deijair. Sete minutos depois, Cirino recebeu novamente, fez o giro e chutou para boa defesa em dois tempos do goleiro. 

A única subida do Barcelona de Ilhéus ao campo de ataque foi fatal. Aos 30, o lateral camaronês Arnold recebeu a bola na entrada da área e mandou um chutaço na gaveta do goleiro Danilo Fernandes, que pulou na bola, mas sem nenhuma chance.

O Tricolor de Aço tentou responder com Rezende. Antes do fim da etapa inicial, o volante arriscou o chute de fora da área e o goleiro Deijair caiu no cantinho para evitar o empate.

São Deijair

Para a segunda etapa, Guto Ferreira promoveu logo três alterações. Douglas Borel, Marco Antônio e Patrick entraram nas vagas de Jonathan, Raí Nascimento e Willian Maranhão, respectivamente.

E a primeira chance surgiu justamente das substituições. Aos 2 minutos, Marco Antônio conduziu e encontrou Douglas Borel em profundidade. O lateral-direito encheu o pé e a bola explodiu em cima do goleiro Deijair. 

Guto mudou mais uma vez e tirou Cirino, para colocar Marcelo Ryan. Aos 18, Marco Antônio chutou de muito longe, mas a bola ficou fácil nas mãos do arqueiro. Deijair estava em noite inspirada e, dois minutos depois, fez duas defesas em falta cobrada por Djalma e rebote de Ryan. 

O Bahia seguia em cima. Marco Antônio recebeu passe em profundidade, aos 30, e chutou para mais uma defesa do goleiro do Barcelona de Ilhéus.

As melhores chances da segunda etapa seguiam sendo do lado mandante. No entanto, principalmente pelo cansaço, o ímpeto tricolor já não parecia ser mais o mesmo. 

Antes do fim da partida, o Barcelona de Ilhéus ainda teve uma boa chance, após contra-ataque puxado por Arnold que acionou Marcelo Pano, mas o atacante mandou nas redes pelo lado de fora.

FICHA TÉCNICA

Bahia 0 x 1 Barcelona de Ilhéus - 6ª rodada do Campeonato Baiano 2022

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador

Árbitro: Emerson Ricardo de Almeida Andrade

Assistentes: Alessandro Álvaro Rocha de Matos e Daniella Coutinho Pinto.

Cartões amarelos: Henrique (Bahia); Cleitinho (Barcelona de Ilhéus)

Gols: Arnold (Barcelona de Ilhéus)

Bahia - Danilo Fernandes; Jonathan (Douglas Borel), Luiz Otávio, Henrique e Djalma; Rezende (Luiz Henrique), Willian Maranhão (Patrick) e Daniel; Raí Nascimento (Marco Antônio), Marcelo Cirino (Marcelo Ryan) e Rodallega. Técnico: Guto Ferreira.

Barcelona de Ilhéus - Deijair; Miqueias, Alex Marabá, Caíque e Arnold; Ramirez, Guga (Dinda) e Vitinho (Marcelo Pano); Gianlucas (Gustavo Rambo), Almir (Cleitinho) e Kel Baiano (Zé Roberto). Técnico: Wellington Ribeiro.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS