PSG perde para o Monaco por 3 a 0 e agrava crise

O Paris Saint-Germain acumula três derrotas nos últimos cinco jogos da liga nacional

Publicado domingo, 20 de março de 2022 às 16:39 h | Atualizado em 20/03/2022, 16:39 | Autor: AFP
Nova derrota deixa o técnico argentino Mauricio Pochettino em situação delicada no comando da equipe
Nova derrota deixa o técnico argentino Mauricio Pochettino em situação delicada no comando da equipe -

Com dois gols do Wissam ben Yedder e um de Kevin Volland, o Monaco venceu por 3 a 0 neste domingo, 20, pelo Campeonato Francês o Paris Saint-Germain, que vive crise após a eliminação precoce na Champions League e agora acumula três derrotas nos últimos cinco jogos da liga nacional.

 

ESPN Brasil
 

Sem poder contar com Lionel Messi, fora por conta de uma gripe, o técnico Mauricio Pochettino escalou o PSG com Neymar e Mbappé no ataque, mas a nova derrota deixa o argentino em situação delicada no comando da equipe.

“Precisamos esquecer a frustração da eliminação na Liga dos Campeões. Temos que pensar em dar o melhor. Faltou espírito de luta e de combate, é inadmissível”, disse Pochetino em entrevista coletiva após a partida.

>>Acompanhe as principais noticias do mundo do esporte

Outra imagem que resume o dia desastroso do PSG é o lance do terceiro gol do Monaco, de pênalti. O goleiro italiano Gianluigi Donnarumma conseguiu adivinhar o canto na cobrança de Ben Yedder, mas rebateu a bola para dentro do gol.

Por outro lado, se não fossem as defesas de Donnarumma no primeiro tempo, o PSG poderia ter sofrido uma goleada ainda maior.

Os numerosos erros de passe do volante argentino Leandro Paredes, o pênalti cometido pelo zagueiro francês Kimpembe... Tudo saiu errado para o PSG, que ainda assim tem uma boa vantagem na liderança do Campeonato Francês.

“Perdemos para uma boa equipe. Damos os parabéns e espero que joguem as competições europeias na próxima temporada”, disse Mbappé ao canal Primer Video.

Mbappé desabafa

O atacante francês lembrou que o objetivo do PSG é “ganhar um 10º campeonato, o resto pouco importa”, mas admitiu que a lembrança da eliminação na Champions ainda está presente: “Podemos ganhar de 8 a 0, 9 a 0, mas os torcedores continuarão pensando na Liga dos Campeões.

“Temos que ser profissionais, respeitar os torcedores que nos apoiam. Creio que temos que respeitar a nós mesmos. Se temos o mínimo de apreço pelo que fazemos e o que somos, temos que nos respeitar”, acrescentou Mbappé.

O pior é que o PSG foi derrotado por uma equipe que vem mal durante toda a temporada, que conseguiu apenas uma vitória nas últimas oito rodadas do Campeonato Francês e que, a nove jogos do fim da competição, está fora da zona de classificação para as competições europeias para a próxima temporada.

“Estamos em um momento difícil, mas não podemos jogar tudo pela janela. Se continuarmos jogando assim, é claro que o título fica em risco”, alertou o capitão do PSG, o zagueiro brasileiro Marquinhos.

Publicações relacionadas