Vereadora defende 'capilaridade do PT' em Salvador | A TARDE
Atarde > Política > Bahia

Vereadora defende 'capilaridade do PT' em Salvador

Em conversa com a imprensa, Marta Rodrigues também criticou a revisão tarifária estudada pela Prefeitura

Publicado segunda-feira, 02 de outubro de 2023 às 18:07 h | Autor: Gabriela Araújo
Vereadora de Salvador, Marta Rodrigues (PT)
Vereadora de Salvador, Marta Rodrigues (PT) -

Em meio ao afunilamento entre os nomes do vice-governador Geraldo Júnior (MDB) e do deputado estadual Robinson Almeida (PT) para representar a base do governo nas eleições municipais em Salvador, a vereadora Marta Rodrigues (PT) avaliou o cenário e pregou o debate partidário antes da decisão.

“No sábado, nós realizamos duas plenárias. Pela manhã, compreendendo cinco zonas e à tarde, duas zonas, que aconteceram lá no bairro de Mussurunga, com a 19ª e a 10ª. Então, foram debates tanto da manhã como da tarde, muito acalorados, as pessoas trazendo também um diagnóstico daquela região. Robinson também esteve lá, fez uma fala também muito boa, como ele vem fazendo, sobre a cidade. O momento é isso”, analisou a petista, após a sessão ordinária desta segunda-feira, 2.

Durante conversa com a imprensa, a parlamentar citou a “capilaridade do PT” em Salvador, como um dos fatores a serem analisados pelo governador no momento da escolha do próximo postulante na capital baiana.

“O PT, por ser esse partido também que tem essa capilaridade na cidade, onde o 13 também é muito forte. Nós temos aqui sete vereadores e vereadoras da federação. E a gente tem que estar levando também todo esse debate. Foi isso que a militância também colocou no sábado”, disse.

A expectativa é que o candidato de Salvador seja escolhido e anunciado pelo Conselho Político, encabeçado pelo governador Jerônimo Rodrigues (PT), ainda neste mês de outubro. Mesmo que não haja uma decisão sobre os candidatos, Marta afirma que a militância continuará debatendo o tema.

“Então não vai ser agora, pode não ser no mês de outubro ainda, mas o debate vai continuar. Porque a gente vai intensificar nas outras zonas, nós temos 20 zonas em Salvador e nós só discutimos em 7. Então, nós vamos intensificar nas outras também pra dar conta dessa missão grandiosa pra gente também ocupar o Palácio do Thomé de Souza”, comentou.

Revisão tarifária

Mesmo sem uma definição concreta sobre o novo valor da tarifa de ônibus, a vereadora Marta Rodrigues (PT) considerou a questão da mobilidade em Salvador como “grave” e alegou que a Prefeitura estaria promovendo uma redução nas linhas de ônibus, causando insatisfação na população.

"A questão da mobilidade está grave em Salvador. Este final de semana tiveram de novo mudanças de linha, alterações, a população fica insatisfeita com razão, porque paga uma passagem muito cara. Salvador é a mais cara [tarifa] do Nordeste. Então, quando você fala de aumento de tarifa, isso também deixa a população apreensiva, porque esse valor vai aumentar ainda mais", disse a edil. começou a vereadora, que completou.

A parlamentar ainda lamentou que as discussões sobre o aumento da passagem dos transportes públicos não sejam mais competência da Câmara e defendeu que a Casa cobre transparência do prefeito Bruno Reis (União Brasil) sobre o assunto.

"A Câmara, nós precisamos entrar nesse debate e cobrar do prefeito todo esse posicionamento", concluiu. 

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS