adblock ativo

Me banir das redes é jogar fora das quatro linhas, diz Bolsonaro

Mandatário afirmou que não irá admitir banimento das redes sociais no ano eleitoral

Publicado terça-feira, 11 de janeiro de 2022 às 07:46 h | Atualizado em 11/01/2022, 10:35 | Autor: Da Redação
De acordo com Bolsonaro, bani-lo das redes sociais seria algo ""fora das quatro linhas" da Constituição..
De acordo com Bolsonaro, bani-lo das redes sociais seria algo ""fora das quatro linhas" da Constituição.. -
adblock ativo

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou  que não irá admitir ser banido das redes sociais durante a campanha eleitoral deste ano. A declaração foi dada durante entrevista para a rádio Jovem Pan, na segunda-feira, 11. De acordo com o mandatário, bani-lo das redes sociais seria algo "fora das quatro linhas" da Constituição.. 

"Me banir das redes sociais é jogar fora das quatro linhas. O jogo tem que ser realizado dentro das quatro linhas. Eu só posso dizer isso. A gente não pode admitir um jogo baixo dessa natureza. Aí não é uma disputa eleitoral dentro do critério democrático, é uma imposição. A gente não pode admitir isso daí. O bom senso se fará presente", disse Bolsonaro.

Desde o início do mandato, Bolsonaro usa a expressão "fora das quatro linhas da Constituição" para fazer referência a medidas autoritárias ou de exceção. Segundo o presidente, apesar de ter sido criticado durante a campanha, ele não teria feito nada nesse sentido no seu governo.

"O que é natural é o chefe de executivo tomar medidas restritivas para ele continuar no poder. E acontece o contrário aqui no Brasil. Me acusavam que eu seria um ditador, perseguiria negros, gays, mulheres e viram que o contrário aconteceu. Queria que ao longo de três anos alguém apontasse uma ação antidemocrática da minha parte, uma só tentativa de querer burlar, usar do poder que a gente tem para conseguir uma reeleição",  afirmou Bolsonaro

adblock ativo

Publicações relacionadas