adblock ativo

Conheça as melhores opções entre novos e seminovos

Publicado quarta-feira, 02 de dezembro de 2020 às 06:04 h | Atualizado em 21/01/2021, 00:00 | Autor: Lúcia Camargo Nunes | De São Paulo
Onix, líder na Bahia, com 4.204 unidades emplacadas até outubro | Fotos: Divulgação
Onix, líder na Bahia, com 4.204 unidades emplacadas até outubro | Fotos: Divulgação -
adblock ativo

Tradicionalmente, dezembro é um dos melhores meses para a venda de veículos. Há mais recursos disponíveis no mercado, com a injeção do 13º salário. Nas vitrines e sites de montadoras, um maior leque de opções, com novidades dos modelos 2021. São tantas as alternativas que pode bater aquela dúvida na hora de comprar o carro.

Quem vai às compras deve fazer uma lista, saber que necessidades o veículo precisa atender, qual a utilidade daquele carro etc. Saber, por exemplo, se é preciso ter um porta-malas grande ou uma caçamba para trabalho. Para ajudar na escolha, A TARDE Autos ouviu alguns especialistas para uma análise criteriosa, e daí surgiram alguns modelos em destaque.

Engenheiro e jornalista especializado em automóveis por mais de 50 anos, o colunista Fernando Calmon, nascido no Ceará, é respeitado por sua experiência e isenção, ao eleger as melhores compras de modelos zero-quilômetro em 2020. Em sua lista top 5, Calmon destaca: Volkswagen Nivus, Chevrolet Onix, Ford Territory, BMW Série 2 Gran Coupé e Fiat Strada.

Na Bahia, Onix e Strada são líderes de vendas, entre automóveis e comerciais leves, respectivamente. Até outubro, o hatch da Chevrolet já tinha emplacadas 4.204 unidades no estado, enquanto a nova picape, lançada em junho, vendeu 2.937 unidades, no consolidado entre janeiro e outubro. Já o Nivus, que teve as primeiras vendas em julho, vem crescendo a cada mês, acumulando 269 unidades até outubro.

Imagem ilustrativa da imagem Conheça as melhores opções entre novos e seminovos
Strada, líder entre comerciais leves, com 2.937 unidades até outubro

Destaques zero-quilômetro

Lançado em junho, ainda em um momento crítico da pandemia, o Volkswagen Nivus inovou como primeiro crossover (SUV-cupê) compacto, com desenho desenvolvido no Brasil e que será produzido na Europa, destaca Calmon. “Posição de dirigir é como a de um automóvel (no caso, o Polo) e não de SUV. Preço razoável entre o Polo e o T-Cross. Suas vendas estão em ascensão”.

Em relação ao hatch da Chevrolet, o jornalista diz que, apesar de a arquitetura ter sido desenvolvida na China (com participação de engenheiros brasileiros), o compacto mais vendido nos últimos cinco anos mantém a liderança em 2020, e tudo indica também em 2021. “Motor de um litro, três cilindros, turbo flex, mesmo sem usar injeção direta de combustível, apresenta boas respostas e tem baixo nível de vibrações. Os seis air bags de série garantiram cinco estrelas em testes de colisão”, afirma.

Outro modelo novo também de origem chinesa está na lista de melhores do ano: o Territory, criado em colaboração com o parceiro chinês da Ford, a JMC, tem, na opinião de Calmon, vários pontos relevantes: “Ótimo espaço interno (principalmente no banco traseiro), boa ergonomia, materiais de acabamento de qualidade e um motor turbo a gasolina com respostas adequadas para o seu porte. Além de câmeras 360 graus e uma porta USB para facilitar a instalação de câmera de gravação do trânsito, inclui chip de dados e modem para interação com o Ford Pass, plataforma de serviços e conveniência da marca”.

Entre os top 5 indicados por Calmon, o BMW Série 2 Gran Coupé, produzido na Alemanha, é em sua opinião um dos automóveis mais bonitos da marca e apresenta tamanho ideal para as condições brasileiras. “O preço, claro, é salgado (na faixa de R$ 350 mil), mas o desempenho do motor dois litros de 306 cv e a tração integral surpreendem quem gosta realmente de dirigir e tirar o máximo do carro”. Ele ainda ressalta a posição ao volante, potência dos freios, estabilidade direcional e em curvas, além da sensação de solidez. “Tudo isso contribui para a satisfação do motorista, em especial nas boas estradas. Sem ser desconfortável para uso no dia a dia”, conclui.

Por fim, outro entre os modelos mais vendidos do ano está na lista do colunista: a Fiat Strada. “Depois de 20 anos apenas com mudanças cosméticas, a Fiat inovou com a primeira cabine dupla de quatro portas na picape compacta mais vendida no país. Linhas são bem atraentes, em especial para o público que via antes a Strada como veículo basicamente de trabalho. O espaço no banco traseiro é um pouco limitado, mas as portas facilitam entrada e saída dos ocupantes (cinco lugares no total). O motor de 1,33 litro apresenta boas respostas, desde que não com carga total. No entanto, é bem mais econômico que o motor de 1,8 litro da antiga cabine dupla de três portas”, sugere.

Imagem ilustrativa da imagem Conheça as melhores opções entre novos e seminovos
Nivus: primeiro crossover (SUV-cupê) compacto

Seminovos

A cada cinco veículos vendidos no Brasil, quatro são usados. E, neste ano de pandemia, esse mercado está mais aquecido do que nunca. Embora sem as mesmas facilidades e condições que um modelo zero-quilômetro dispõe, os seminovos são a bola de vez pela ótima relação custo-benefício, geralmente bem equipados e porta de entrada para muitas pessoas que decidiram ter um carro com a pandemia.

Em uma recente pesquisa de mercado feita pela Globo Insights, 39% de pessoas que não possuem carro informaram que tinham interesse em adquirir um automóvel ainda este ano ou início de 2021. Desses, 62% procuravam um modelo que custe até R$ 50 mil. Com raros carros novos nessa faixa de preço, o A TARDE Autos ouviu o presidente da Assoveba, associação que representa os lojistas da Bahia, Ari Pinheiro Junior, que reúne todas as credenciais para sugerir uma difícil lista de melhores, porque são muitas boas ofertas nas lojas.

Pinheiro Junior cita, entre as opções por R$ 50 mil o Hyundai HB20 sedã, o Nissan Versa e o Toyota Etios Sedã 2018, ou seja, modelos seminovos que se destacam pelo bom espaço e custo-benefício de Hyundai e Toyota.

“Você também consegue comprar Ford Ka, Etios e HB20, esses todos hatches, e com câmbio automático, ano 2019, também por R$ 50 mil. Mas, se for um SUV, o consumidor encontra Ford EcoSport e Renault Duster, 2016 até essa faixa de preço. É possível comprar ainda um Hyundai iX35 2013, automático, e um Tucson 2016”, complementa o presidente da Assoveba.

Daniela Peres, gerente-geral do Auto Shopping Itapoan, destaca os Chevrolet Onix e Prisma, além do Ford Ka e do Hyundai HB20, como os seminovos destacados pelos seus lojistas.

adblock ativo

Publicações relacionadas