Escritor é ameaçado após anunciar palestra em escola de Salvador

Autor carioca radicado em Porto Alegre recebeu mensagens de que teria o 'CPF cancelado'

Publicado sábado, 26 de março de 2022 às 11:14 h | Atualizado em 26/03/2022, 11:27 | Autor: Da Redação
Jeferson Tenório, autor do livro "O avesso da pele"
Jeferson Tenório, autor do livro "O avesso da pele" -

O romancista Jeferson Tenório publicou nas redes sociais, na noite desta sexta-feira, 25, que tem recebido diversas ameaças de morte após anunciar que faria uma palestra em uma escola de Salvador.

Nascido na cidade do Rio de Janeiro, mas radicado em Porto Alegre, o escritor relatou que recebeu mensagens anônimas em que, caso fosse ao local do evento, ele teria o "CPF cancelado" ou "teria de fugir do país para não ser metralhado".

Jeferson Tenório contou que as ameaças eram mensagens de ódio contra ele e seu livro, "O avesso da pele". Havia também referências diretas de ódio pelo escritor ter recebido o prêmio Jabuti.

"Há dias venho sofrendo ataques e ameaças de morte após a confirmação de uma visita minha a uma escola em Salvador, na Bahia", contou.

Por outro lado, ele agradeceu o apoio da editora e de pessoas próximas e se mostrou surpreso com a situação. “Por mais que saibamos que o Brasil se tornou um lugar de intolerância e discursos de ódio, para mim ainda é difícil compreender porque um escritor é atacado e ameaçado dessa forma tão violenta por falar de literatura numa escola”. 

Tenório decidiu trazer à tona o teor das ameaças para se proteger, e deixar claro que este tipo de crime não passará mais impune e que seus autores deverão responder judicialmente.  

O livro "O avesso da pele" é um romance sobre identidade e as complexas relações raciais, sobre violência e negritude.

Publicações relacionadas