Família de médico sequestrado pagou resgate: “Vida não tem preço” | A TARDE
Atarde > Bahia > Salvador

Família de médico sequestrado pagou resgate: “Vida não tem preço”

Vítima foi pega por bandidos na quarta-feira, na Pituba, e libertada em Castro Alves

Publicado sexta-feira, 26 de abril de 2024 às 14:02 h | Atualizado em 26/04/2024, 14:09 | Autor: Da Redação
Médico foi sequestrado na quarta-feira
Médico foi sequestrado na quarta-feira -

A família do médico Gilson Meirelles, que foi sequestrado no bairro da Pituba, em Salvador, na quarta-feira, 24, e libertado nesta sexta, 26, confirmou ao Portal A TARDE que pagou o resgate exigido pelos criminosos.

O valor do resgate não foi divulgado, entretanto, de acordo com a irmã de Gilson, Giselle Meirelles, o montante foi alto. Ela destacou, porém, que o mais importante foi ter o irmão de volta.

“A gente descobre que a vida não tem preço quando chega uma hora dessa. Graças a Deus, deu tudo certo”, disse.

Ainda segundo Giselle, Gilson foi libertado em uma rodovia da cidade de Castro Alves, no recôncavo baiano. De lá, o médico conseguiu chegar até o hospital local.

Relembre o caso

Gilson foi sequestrado na noite de quarta-feira, no estacionamento de uma farmácia da Rua Amazonas, no bairro da Pituba, próximo à Corregedoria da Polícia Militar. A vítima, que também atua como professor de medicina em uma universidade particular, havia acabado de estacionar o carro, quando foi abordado por dois homens encapuzados e armados, que o mandaram entrar no veículo que estavam dirigindo.

Em nota, a Polícia Civil confirmou a libertação de Gilson e destacou que equipes da Delegacia Especializada Anti-Sequestro (DAS) investigam o sequestro e diligências são realizadas para identificar e prender os autores.

"Quem tiver informações, pode colaborar com o Disque Denúncia da Secretaria da Segurança Pública (SSP), ligando 181", diz a polícia na nota.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS