Fluxo de turistas segue a todo vapor em Salvador | A TARDE
Atarde > bahia > Salvador

Fluxo de turistas segue a todo vapor em Salvador

Expectativa de ocupação na capital baiana no mês de janeiro é de 75%

Publicado quarta-feira, 24 de janeiro de 2024 às 07:06 h | Autor: Madson Souza
O casal Orlone e Lucymiriam (juntamente com a filha Laura) visita o Pelourinho
O casal Orlone e Lucymiriam (juntamente com a filha Laura) visita o Pelourinho -

A movimentação turística segue a todo vapor em Salvador. A expectativa de ocupação para o setor hoteleiro na capital baiana no mês de janeiro é de 75%, de acordo com os dados da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (Abih). Também é esperado um crescimento de 10% para o movimento dos bares e restaurantes, conforme números da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel).

Mesmo com a iminente ameaça de temporal – que se concretizou em alguns pontos da cidade – turistas foram às ruas ontem para não desperdiçar um minuto na capital baiana.

Um desses casos é o da professora Lucymiriam Laytynher de Itabuna, que aproveitou as férias para visitar Salvador mais uma vez, porque “não dá pra descobrir a cidade em uma só semana, não dá tempo de conhecer tudo”, conta. E nem a chuva – ou ameaça de chuva –, impediu os passeios planejados por Lucymiriam, seu marido e a filha, que aproveitaram o dia nublado para fazer um passeio cultural pelo Pelourinho.

“Acho tudo aqui lindo. Já fomos no Mercado Modelo, no Museu do Carnaval, ilhas e algumas igrejas. Gosto muito da alegria e receptividade das pessoas daqui”, comenta a Itabunense.

Quem também não foi impedida pelo céu fechado foi a dona de casa do município de Santaluz, Angélica dos Reis, que foi para o Farol da Barra e tentou pegar uma prainha. Da última vez que esteve em Salvador, Angélica era uma criança, por isso decidiu tirar a tarde de ontem para junto com esposo, filho e a prima – que mora na capital –, visitar a praia nem que fosse “só para olhar o mar”. “Trouxe meu filho para ver o mar pela primeira vez. O que mais gosto aqui são as praias”, diz a dona de casa.

Para o setor de hotelaria, as regiões mais buscadas em janeiro estão na área da orla entre a Barra e o Rio Vermelho, entre Itapuã e Praia do Flamengo e as regiões da Pituba e Caminho das Árvores, explica Thiago Sena, diretor de Relações Institucionais da Abih no estado.

“São regiões com boa oferta de hotéis de diferentes perfis. Em geral, os hotéis das regiões mais buscadas pelos viajantes costumam apresentar ocupações e tarifas um pouco superiores à média da cidade, justamente pela maior demanda, que oscila a depender da localidade”, comenta. Ele ressalta que mesmo dentro dessas localidades mais buscadas existe uma diversidade de oferta hoteleira, com variados preços e que atendem a diferentes públicos.

Já os restaurantes e bares mais procurados da cidade estão nos bairros do Pelourinho, Barra, Santo Antônio Além do Carmo, Rio Vermelho e Pituba, segundo Leandro Menezes, presidente Abrasel na Bahia. Os itens mais buscados nesses estabelecimentos são os com elementos típicos do estado. No Cuco Bistrô, por exemplo, os campeões de vendas são a moqueca e o bobó de camarão. José Iglesias, dono do restaurante que fica no Pelourinho, conta que a temporada turística fez bem para seu estabelecimento.

“O mês de janeiro está com um movimento excepcional, muito bom mesmo. Nós tivemos aí um incremento de quase 40% nas nossas receitas. Acredito que não só o meu estabelecimento, mas de todos os comerciantes que estão mais próximos do turismo”. O restaurante tem três funcionários que falam inglês, alemão e italiano, além disso o estabelecimento mantém o cardápio com opções em outras línguas para facilitar a comunicação com os turistas.

Publicações relacionadas