Roubos a motoristas por aplicativo cresce 15% em Salvador | A TARDE
Atarde > Bahia > Salvador

Roubos a motoristas por aplicativo cresce 15% em Salvador

Segundo Sindicato, em 2022, foram 1.131 ocorrências relatadas pelos profissionais

Publicado segunda-feira, 16 de janeiro de 2023 às 17:40 h | Autor: Da Redação
Média diária de roubos e furtos passou de 2,7 para 3,1 na capital baiana
Média diária de roubos e furtos passou de 2,7 para 3,1 na capital baiana -

O número de roubos e furtos a motoristas por aplicativo em Salvador cresceu quase 15% em 2022 na comparação com o ano anterior. Em números reais, foram 1.131 ocorrências relatadas pelos profissionais ao Sindicato dos Motoristas por Aplicativo da Bahia (Simmactter) no ano passado, contra os 985 casos de 2021. 

A média diária de roubos e furtos passou de 2,7 para 3,1 na capital baiana entre os anos analisados. Sobre os casos de latrocínio, que é o roubo seguido de morte, oito motoristas foram alvo desse tipo de crime em 2022. O número é quatro vezes maior se comparado ao ano anterior, quando 2 profissionais perderam a vida. 

Esse ano, até o dia 13 de janeiro, nove profissionais relataram ter sido alvos de roubos e furtos e uma morte foi registrada. 

O presidente do Sindicato e vereador, Átila do Congo (Patriota) pede sensibilidade às forças de segurança. “Não basta a polícia prender se a Justiça deixa a brecha da audiência de custódia para libertar esses bandidos em poucas horas, fazendo com que a vida do crime valha a pena. Estamos cansados de chorar a dor dessas famílias que perdem pais, filhos e irmãos de uma forma tão cruel, enquanto eles trabalham”, diz.

Publicações relacionadas